terça-feira, 08/04/2014

Polícia Civil apresenta quadrilha especializada no roubo de caminhões e cargas que aterrorizava Região Central

 

BELO HORIZONTE - A investigação de uma série de roubos de veículos levou a equipe de policiais civis da 4ª Delegacia Especializada de Investigação a Furto e Roubo de Veículos a desbaratar uma quadrilha especializada no roubo de caminhões, carros de passeio e de cargas.

Eles agiam, sobretudo, em Sete Lagoas, Paraopeba, Caetanópolis, Curvelo e Congonhas, na Região Central do Estado.

Os veículos eram tomados de assalto, sendo desmanchados ou clonados na sequência. Somente de janeiro a novembro de 2013, a organização criminosa teria praticado 27 roubos.


As investigações foram presididas pelo delegado Marcos Vignolo e duraram cerca de um ano, resultando na prisão do grupo e na recuperação de 21 veículos de passeio, três motos, oito caminhões e dois motores, além de diversas peças de carros. Com os suspeitos foram apreendidas quatro pistolas (sendo uma israelense), três revólveres, uma escopeta, munições e aparelhos bloqueadores de sinal de rastreamento veicular, além de três carteiras de identidade falsificadas.


Operação Fardier

Segundo a Polícia, a equipe iniciou os trabalhos investigando um grupo que atuava na compra e venda de caminhões de procedência ilícita, por valores muito abaixo do mercado. O monitoramento das ações dos suspeitos revelou que eles estavam envolvidos com o roubo e a adulteração de veículos de passeio e de caminhões, atuando também no roubo de cargas.

Os levantamentos apontaram que a quadrilha agia principalmente na rodovia BR-040. Com base nas informações, os policiais desencadearam a Operação Fardier, nome que faz menção a um triciclo usado no transporte de carga que foi concebido pelo engenheiro francês Joseph Cugnot (falecido em 1804).

Durante as abordagens da operação, que contou com o apoio da Polícia Militar, foram apreendidos com o grupo diversos carros que haviam sido tomados de assalto. Segundo o delegado Marcos Vignolo, os veículos eram clonados e utilizados em outras ações ilícitas da quadrilha.

Parte dos automóveis furtados era destinada a oficinas de desmanche em Sete Lagoas, principalmente no povoado da Lontrinha. Além dos roubos, os criminosos mantinham um ferro velho, denominado “Auto Peças Progresso”, também em Sete Lagoas, onde eram vendidas as peças retiradas dos veículos desmanchados.


Integrantes identificados

As investigações apontaram que a organização criminosa era composta por 18 integrantes. Treze deles foram presos em Minas Gerais, três estão foragidos e outros dois estão presos no Rio de Janeiro. São eles:

1.    Flávio Correa de Amorim
2.    Deivid Benner Magalhães da Silva
3.    Delton Araújo Duarte (conhecido pelo apelido de “Motora”)
4.    Wanderci Arcanjo Martir (o “Testinha”)
5.    Johnatan Fernando da Silva Oliveira (o “Dioninha”)
6.    Juliano Araújo de Santana        
7.    Carlos Adriano Silva Pires (o “Nem Galinha”)
8.    Bruno Nogueira de Paula (“Bruno Despachante”) -  que está foragido
9.    Eduardo Henrique Ganda Vilela
10. Paulo Roberto Ferreira Júnior (“Lilico”) – que está foragido
11. Romero da Cunha Pereira (o “Itambé”)
12. Marcos Nepomuceno Gonçalves (o “Marquinhos”)
13. Ronivaldo Alves de Souza (o “Roni”)
14. Kenny Eustáquio da Costa Paula – que está foragido
15. Roger Fabiano Castro Mendes
16. Davisson Daniel Cândido de Souza (o “Deivinho”)
17. Pedro Henrique Oliveira Santos (o “Gajão”) – preso na Penitenciária de Bangu no Rio de Janeiro
18. Gean Cledisson Pereira da Silva (o “Baiano”)– preso na Penitenciária de Bangu no Rio de Janeiro

Mostra a cara desses bandidos

Enviado por anônimo (não verificado) em qui, 10/04/2014 - 19:25.

Mostra a cara desses bandidos aí, cambada de safados. Me empresta um .40 que eu resolvo o problem deles rapidinho. Um por um!!!


Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Mais informações sobre as opções de formatação

CAPTCHA
Este recurso é para evitar postagens automáticas
Image CAPTCHA
Digite os caracteres mostrados na imagem.


Política de Privacidade | Entre em contato
© 2008-2014 plox.com.br Todos os direitos reservados. Primeiro portal de notícias e entretenimento do Vale do Aço