Crie ou Acesse seu email


segunda-feira, 13/10/2014

Suzane von Richthofen abre mão de herança e demite advogado

[ad] Suzane von Richthofen, condenada por mandar matar os pais em 2002 em São Paulo, decidiu abrir mão da disputa judicial que travava com o irmão pela herança da família. Segundo documento divulgado pelo Fantástico neste domingo, Suzane, que hoje tem 30 anos, também manifesta o desejo de reencontrar o irmão, Andreas, que não vê desde o julgamento do caso em 2006.

Presa há 12 anos, ela já poderia ir para o regime semiaberto e trabalhar fora do sistema carcerário, mas optou por abrir mão da regalia por "se sentir segura" na prisão. Ainda segundo o documento, Suzane pediu o afastamento do advogado, Denivaldo Barni, que foi proibido de visitá-la. Agora, ela é defendida pela Defensoria Pública.

Procurados pelo Fantástico, o ex-advogado de Suzane e a advogada do irmão, Maria Aparecida Evangelista, não se pronunciaram. Promotores ouvidos sobre o caso não deram uma posição unânime sobre o comportamento da detenta e sobre sua aptidão em voltar ao convívio social.

Crime premeditado

Foto: reprodução/Tv Record
Suzane foi condenada a 38 anos e seis meses de prisão pela morte dos pais Manfred e Marísia von Richthofen, em 2002. Os assassinatos foram planejados pela filha do casal e executados pelo então namorado de Suzane, Daniel Cravinhos, e pelo irmão dele, Cristian Cravinhos.

Na véspera do crime, Suzane planejou a retirada do irmão Andreas de casa para deixar os pais sozinhos. O trio seguiu para a mansão da família e, como o planejado, os irmãos subiram e golpearam o casal com pauladas. Após o assassinato, Suzane e os comparsas tentaram simular um latrocínio – roubo seguido de morte -, com a subtração de itens da casa.

 

Fonte: Terra

 

 

 

segunda-feira, 13/10/2014

BH investiga suposto caso de febre chikungunya na cidade

[ad]A Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte apura a possibilidade de uma moradora da região Leste da cidade ter sido infectada pelo vírus causador da febre chikungunya. De acordo com nota divulgada neste domingo, os exames feitos pela secretaria são para identificar várias doenças com sintomas similares, inclusive o da dengue, que se assemelha bastante à doença do surto que atingiu a América Central este ano. Se confirmado, esse será o primeiro caso da doença na cidade.

Como o quadro clínico de infectados pela febre se assemelham ao de outras doenças, a paciente foi orientada pelos profissionais da saúde do município sobre várias hipóteses de diagnósticos. Uma coleta de sangue foi feita na última quinta-feira e encaminhada à Fundação Ezequiel Dias (Funed) para análise. No entanto, ainda não há previsão de entrega do resultado.

Possibilidade de epidemia
Em setembro, o ministro da Saúde, Arthur Chioro, admitiu a possibilidade de uma epidemia de chikungunya no Brasil. No dia 25, a pasta confirmou 16 situações em que a doença foi transmitida internamente no país e não apenas por viajantes, como vinha acontecendo. A América Central apresenta um surto com mais de 61 mil casos confirmados, de acordo com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), de dezembro de 2013 a maio de 2014.

“É possível (falar em epidemia), mas a gente ainda não consegue ter a dimensão do número de casos, nem a velocidade de propagação da doença”, afirmou Chioro, à época. “Quando não há registro de casos e aparece alguns, você caracteriza como epidemia, no primeiro momento”, enfatizou. Desde 2010, quando o Brasil registrou três casos importados da doença, o Ministério da Saúde passou a acompanhar e monitorar a situação do vírus.

Entenda a chikungunya
A doença é transmitida pelo Aedes aegypti, mesmo mosquito da dengue, e os sintomas são semelhantes, apesar de ser menos letal. A doença provoca dores fortes nas articulações, além de febre, mal-estar e dor de cabeça. Os sintomas podem se prolongar por semanas. O combate à doença é feito da mesma forma que o combate à dengue: controlando a proliferação dos mosquitos.

Assim como a dengue, o vírus não possui vacina. O tratamento da chikungunya consiste no alívio dos sintomas, que costumam durar de três a 10 dias.

Sintomas
» Febre abrupta
» Dor de cabeça
» Manchas avermelhadas no corpo
» Dor intensa nas articulações, principalmente, nas menores, com as das mãos e dos pés

Origem
No idioma africano makonde, o nome chikungunya significa “aqueles que se dobram”, em referência à postura que os pacientes adotam diante das fortes dores articulares.

Subtipos
Diferentemente da dengue, que tem quatro subtipos, a chikungunya só tem um. Ao ser infectada e se recuperar, a pessoa se torna imune. O fato de alguém já ter sido infectado com algum dos subtipos da dengue não o torna mais ou menos vulnerável à chikungunya.

Letalidade
A febre chikungunya é menos mortal que a dengue. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), complicações mais sérias são raras. O risco é maior para idosos que já tenham outros problemas de saúde

Transmissão
O vírus é transmitido pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus. A infecção segue os mesmos padrões sazonais da dengue. Épocas de calor e chuva são mais propícias a proliferação dos insetos.

 

EM

segunda-feira, 13/10/2014

Áudio registra momentos antes da queda do avião de Campos

[ad] Dois meses depois do acidente aéreo que aconteceu no litoral paulista e matou o então candidato à Presidência da República Eduardo Campos (PSB), a gravação da conversa final entre os pilotos e a Base Aérea de Santos, que aconteceu nos últimos instantes do voo, foi divulgada. As informações foram obtidas com exclusividade pelo programa Fantástico, da TV Globo.

Segundo a gravação, o voo parecia transcorrer normalmente até que o comandante avisa que vai tentar arremeter a aeronave. Depois disso, a torre chama pelos pilotos por dez vezes e não consegue obter nenhuma resposta.

O avião estava voando alto quando o co-piloto fez o primeiro contato com a Base Aérea para perguntar sobre as condições climáticas para o pouso. Como a visibilidade era baixa, os pilotos teriam que se guiar apenas pelas antenas de rádio.

Mais tarde, o co-piloto confirma a arremetida. Em seguida, a Base pergunta “Está prosseguindo pro... nova tentativa de pouso?”. O piloto começa a responder: “Devido às condições, nós vamos su... é...”. Após um tempo, ele completa: “Nós vamos aguardar e chamaremos novamente, ok?”.

Depois disso, a Base tentou contato com a aeronave e não obteve nenhuma resposta.

Eduardo Campos, morreu na manhã do dia 13 de agosto, em um acidente de avião em Santos, em São Paulo. Segundo as investigações, a aeronave Cessna 560 XL decolou do aeroporto Santos Dumont (RJ) com destino ao Guarujá, mas perdeu contato com o controle de tráfego aéreo depois de ter arremetido a uma tentativa de pouso por conta do mau tempo.

 

Fonte: Terra

segunda-feira, 13/10/2014

“Dilma não honrou compromissos com a população”, diz Marina

[ad] Em entrevista logo após anunciar, nesse domingo (12), seu apoio ao candidato da Coligação Muda Brasil, Aécio Neves, a candidata do PSB à Presidência da República, Marina Silva, afirmou que a verdadeira mudança não significa apenas trocar partidos ou governantes, mas honrar os compromissos assumidos com a população brasileira.

“A presidente Dilma, que assinou compromissos inclusive com o Código Florestal, não cumpriu esses compromissos assumidos nos últimos quatro anos. Tivemos um imenso retrocesso na agenda ambiental, socioambiental do Brasil e na questão indígena, só para citar alguns, sem falar na reforma econômica, reforma agrária e tantos outros aspectos que são de conhecimento público”, apontou ela.

Marina Silva acrescentou: “A presidente Dilma teve a chance, durante quatro anos, de encaminhar as propostas com as quais ela se comprometeu. Nesse segundo turno, nós programaticamente as entregamos ao candidato [Aécio], que fez a sinalização e foi identificado com a mudança”.

Em seguida, a ex-senadora afirmou: “A mudança não é simplesmente, no meu entendimento, para tirar um partido e botar outro, uma pessoa e botar outra. A sociedade brasileira sinaliza que quer cada vez mais uma mudança de qualidade, manter as conquistas, aperfeiçoá-las, corrigir os erros, encarar novos desafios”.

Para Marina Silva, há um acordo com esse compromisso assumido, que ela e Aécio estão “inteiramente coerentes com essa renovação da política”.

‘Velhos rumos’

Vice na chapa de Marina Silva, Beto Albuquerque destacou que seu partido, o PSB, está ao lado de Aécio por almejar uma mudança consistente e por não compactuar com os “velhos rumos e acordos” tomados pela gestão PT.

“Se o PSB quisesse apoiar a Dilma Rousseff, não precisava ter saído do governo de dois anos atrás. Não precisava ter perdido Eduardo Campos a trabalho dessa mudança. Poderíamos estar hoje confortavelmente dentro do governo. Quando tomamos a decisão de sair e ter candidatura própria, já dissemos o que pensávamos sobre esse governo. Saímos porque não concordamos com os rumos, os velhos acordos, com a ineficácia, com o descontrole fiscal que está acontecendo no país”, avaliou.

 

Fonte: Imprensa Aécio Neves

 

 

 

segunda-feira, 13/10/2014

Participação da família é decisiva para formação do jovem leitor

[ad] Transformar a leitura em um momento prazeroso para as crianças pode ser a chave para a formação de jovens e adultos leitores. Neste 12 de outubro, que marca o Dia Nacional da Leitura e Dia da Criança, especialistas e professores ouvidos pela Agência Brasil avaliam que a leitura não pode ser encarada como uma obrigação e a participação da família desde cedo pode ser decisiva nesse processo.

Com 25 livros infantis publicados e mãe de três filhos, a escritora Alessandra Roscoe diz que uma relação prazerosa das crianças com a leitura é a principal forma de aproximar os pequenos dos livros. Alessandra conta que já lia para os filhos antes mesmo de eles nascerem, quando ainda estava grávida.

“Você cria um vínculo afetivo, uma relação muito mais forte, com a voz da mãe, do pai, com quem quiser ler em voz alta para a barriga. A criança estimulada a encontrar o livro desde cedo tem uma relação prazerosa com a leitura, e não uma relação de obrigação, não uma coisa chata”, diz.

Alessandra faz uma crítica aos pais que “escondem” os livros dos filhos. Para ela, os livros precisam ficar ao alcance das crianças. “A criança tem que ter acesso, tem que poder manusear. Não adianta ter aquele livro na última prateleira da estante, dizer que tem livros infantis maravilhosos, mas não ler com o filho”, argumenta.

A socióloga Zoara Failla, do Instituto Pró-Livro, também defende que transformar a leitura em um momento de reunião com a família é um passo importante na formação de novos leitores. “É fundamental que a família dê o exemplo. Quando você lê para crianças, em momentos lúdicos, cria na memória dessa criança algo afetuoso”.

Zoara, que também coordena a pesquisa Retratos da Leitura do Brasil, defende a importância de se presentear a criança com livros como forma de criar gosto pela leitura. Segundo a pesquisa, 88% daqueles que gostam de ler ganharam livros em algum momento da vida.

“A criança que ganha um livro, vê que aquilo é importante. Quando a criança está alfabetizada, a leitura contribui para o vocabulário, para a melhora da capacidade da escrita. É principalmente por meio da leitura que a criança tem acesso ao conhecimento, à cultura, o que é muito importante para a formação desses cidadãos”, defende.

 Foto: Agência Brasil/Fernando Frazão

A leitura mediada é a base do projeto Roedores de Livros, no Distrito Federal. A iniciativa, coordenada pela professora Ana Paula Bernardes, promove leituras em grupo com crianças de 5 a 14 anos, além de funcionar como uma biblioteca.

“A gente conquista uma criança lendo para ela. Ela sente muito prazer em estar junto a um adulto, em alguém estar lendo com ela.”

A professora cobra mais envolvimento das famílias para a formação de jovens leitores. “Coloquem os livros em coisas gostosas da família. Levem a criança a uma livraria, biblioteca, leiam para a criança. A criança vai associar a leitura com uma coisa boa”, recomenda.

Para Ana Paula, o principal benefício da leitura na vida das crianças é a formação de cidadãos críticos. “Esse dia a dia com o livro e com pessoas que leem, que conversam, que discutem, traz um enriquecimento muito grande, faz com que essas crianças fiquem mais atentas aos detalhes.”

Professora da rede pública do Distrito Federal, Fabiana Machado dá aulas para crianças de 6 e 7 anos, em uma turma do 1º ano do ensino fundamental. Fabiana diz que percebe a diferença em sala de aula entre os alunos que costumam ler e o que não gostam dos livros.

“Muitos alunos ainda estão começando a aprender a ler, mas é visível que aqueles que se esforçam para ler uma história, que pedem livros, tem uma desenvoltura maior em sala”. Para a professora, o incentivo dos pais é fundamental na formação de leitores.

“Não adianta eu dizer que a leitura é importante, que a criança tem de ler, se os pais não dão exemplo”, completa.

 

Fonte: Agência Brasil

segunda-feira, 13/10/2014

Obama determina investigação rápida sobre contágio por ebola

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, determinou nesse domingo (12) que seja feita o mais rápido possível uma investigação à "aparente" falha nos protocolos de controle de infecção que originou o contágio de uma enfermeira com o vírus ebola.

De acordo com nota divulgada pela Casa Branca, Obama falou por telefone com a secretária de Saúde e Serviços Humanos, Sylvia Burwell, sobre o contágio que ocorreu no hospital de Dallas, no Texas, onde morreu um liberiano infectado.

De acordo com o comunicado, o presidente norte-americano pediu à responsável uma investigação nos centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC).

Ele pediu ainda que as autoridades federais de saúde tomem medidas adicionais "imediatas" para garantir que os hospitais em todo o país estejam preparados para seguir os protocolos adequados no tratamento do vírus.

Saiba Mais
Ebola: profissional de saúde norte-americano tem teste positivo
Os funcionários enviados a Dallas vão trabalhar com as autoridades locais e estatais para rever os procedimentos de controle de infecções no hospital afetado e o uso de equipamentos de proteção.

As autoridades sanitárias vão fazer ainda um segundo teste para confirmar se a enfermeira, cuja identidade não foi revelada, está efetivamente contaminada pelo ebola.

A enfermeira trabalhava no centro hospitalar Texas Health Presbyterian, de Dallas, onde foi tratado o liberiano Thomas Eric Duncan, internado em 28 de setembro e que morreu no dia 4 de outubro.

"Ignoramos o que se passou durante o tratamento do paciente, mas em dado momento houve uma falha no protocolo de segurança que causou o contágio", disse hoje Thomas Frieden, diretor dos CDC, em entrevista.

A paciente está "estável, apresenta sintomas ligeiros e uma febre baixa", acrescentou.

As autoridades estão monitorando 48 pessoas que tiveram contato com Duncan durante a hospitalização e tentam descobrir quem esteve em contato com a enfermeira agora infectada.

Trata-se do segundo caso de contaminação fora do Continente Africano, depois de Teresa Romero, uma auxiliar de enfermagem de 44 anos, ter sido infectada ao tratar um missionário que morreu depois de repatriado de Serra Leoa para a Espanha.

 

Fonte: Agência Brasil/Agência Lusa

 

 

 

segunda-feira, 13/10/2014

Líder do campeonato desperdiça chances e sai com revés do Maracanã

[ad]A equipe do Cruzeiro sofreu seu sexto revés na competição nesta tarde, no Maracanã. O Flamengo foi um time mais eficiente e venceu o jogo por 3 x 0. Os gols marcados pela agremiação carioca foram de Dedé (contra), Canteros e Gabriel.

Mesmo com o resultado negativo, a equipe celeste permanece na primeira posição do Campeonato Brasileiro, seis pontos na frente do segundo colocado. O próximo jogo da Raposa será na quarta-feira, contra o ABC, pelas quartas de finais da Copa do Brasil, jogo de volta. Se empatar, o Cruzeiro avança para semifinal.

 

Fotos: Marcelo Régua/LightPress

O Jogo

O jogo começou disputado com as eequipes se estudando em campo, e o Cruzeiro com mais posse de bola, arriscando investidas ao ataque com Egídio pelo lado esquerdo.

Aos 15 minutos, Egídio perdeu a bola no meio campo e a bola sobrou para Alecsandro na direita, atacante cruzou para dentro da área e Dedé, tentando fazer o corte, desviou para o gol cruzeirense. 1 x 0 Flamengo.

Três minutos depois, falta para o Cruzeiro na esquerda. Alisson cobrou e Nilton subiu mais alto que a zaga, mas a bola passou por cima da meta de Paulo Vitor.

Aos 27 minutos, escanteio cobrado pelo Cruzeiro, Manoel tocou na bola, Paulo Vitor rebateu errado e Moreno tentou de bicicleta, a zaga afastou na pequena área.

O Cruzeiro insistia nas bolas alçadas. Aos 30 minutos, Marquinhos cruzou pela direita, Egídio ajeitou de cabeça e Moreno de peixinho, cabeceou para fora, dentro da pequena área, quase o empate da Raposa.

Dois minutos depois, nova falta pela direita. Alisson cruzou e Manoel cabeceou muito perto da trave direita do arqueiro flamenguista.

Segunda etapa

Um minuto de jogo e o Cruzeiro montou uma blitz no campo do Flamengo, Moreno chutou e a zaga afastou, Marquinhos pegou a sobra e cruzou e novamente a zaga tirou para escanteio.

Aos 12 minutos, mais uma infelicidade pelo lado azul. Lançamento para área celeste, Manoel protegeu para a saída de Fábio, Canteros foi mais rápido que os dois jogadores celestes e tocou para o gol vazio. 2 x 0 para o Flamengo.

Quatro minutos depois, Alecsandro cruzou pela direita e Gabriel, livre pelo meio da área, bateu sem chances para o goleiro Fábio. 3 x 0 Flamengo.

O jogo seguiu sem grandes chances para os dois times, aos 44 minutos, Marlone arriscou de fora da área e Paulo Vitor saltou no canto para salvar a meta flamenguista.

 

Fotos: Marcelo Régua/LightPress

Fim de jogo e o Cruzeiro sofre sua sexta derrota na competição, porém continua líder absoluto, seis pontos na frente do segundo colocado.

 

FLAMENGO 3 X 0 CRUZEIRO
Motivo: 28ª rodada do Campeonato Mineiro
Data: 12/10/2014 (domingo)
Local: estádio Maracanã, Rio de Janeiro - RJ
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento
Gols: Dedé( contra) aos 15 minutos do 1º tempo; Canteros aos 12 e Gabriel aos 16 minutos do 2º tempo.
Cruzeiro: Fábio; Mayke, Dedé, Manoel e Egídio; Henrique, Lucas Silva e Nilton; Marquinhos Marcelo Moreno e Alisson
Técnico: Marcelo Oliveira
Flamengo: Paulo Victor, Léo Moura, Marcelo, Wallace (Chicão), Anderson Pico, Víctor Cáceres, Márcio Araújo (Muralha),Canteros, Everton, Eduardo da Silva (Gabriel), Alecsandro
Técnico: Vanderlei Luxemburgo
Cartões amarelos: Marcelo e Caceres pelo Flamengo ; Nilton e Marquinhos pelo Cruzeiro

 

Site Oficial Cruzeiro

domingo, 12/10/2014

Galo vence o São Paulo e volta ao G4

[ad]O Atlético voltou para o G4 do Campeonato Brasileiro ao vencer o São Paulo por 1 a 0, neste domingo, na Arena Independência, em Belo Horizonte.

A partida foi válida pela 28ª rodada e o gol da vitória foi marcado por Luan, após bela jogada de Alex Silva.

Com o triunfo sobre a equipe paulista, o Galo chegou a 47 pontos e subiu para o 4º lugar.

Na próxima rodada, o adversário será a Chapecoense, sábado, novamente na Arena Independência.

Antes, o Galo enfrentará o Corinthians, quarta-feira, no Mineirão, pela Copa do Brasil.

 

O JOGO

O São Paulo teve a primeira chance aos oito minutos com Alexandre Pato e Victor fez grande defesa. O Atlético respondeu nos cruzamentos de Maicosuel e Dátolo, cortados pela zaga paulista.

Atlético x São Paulo 12.10.2014

Aos 15 minutos, Luan arriscou chute da entrada da área e a bola desviou no zagueiro. No ataque seguinte, Dátolo fez bom cruzamento e Luan não conseguiu a conclusão.

O São Paulo levou perigo aos 26 minutos no cabeceio de Alexandre Pato, na trave. Aos 39, André recebeu bom passe de Luan, mas não conseguiu a finalização. Logo depois, André completou cruzamento pela direita, cabeceando para fora.

O Galo pressionou nos minutos finais e o cruzamento de Carlos pela direita atravessou a pequena área. Em ótima chance, aos 44, Dátolo chutou de fora da área e exigiu grande defesa de Rogério Ceni. Carlos pegou o rebote e concluiu para fora.

 

SEGUNDO TEMPO

O Atlético voltou do intervalo com a mesma formação. Aos nove minutos, Maicosuel foi substituído por Cesinha Dez minutos depois, foi a vez de André deixar o campo para a entrada de Marion.

Cesinha sofreu falta na intermediária aos 20 minutos e Dátolo cobrou com perigo, por cima do gol.

Aos 26, Alex Silva fez grande jogada e deu ótimo passe para Luan finalizar no canto direito de Rogério Ceni e levar a Massa à loucura, abrindo o placar na Arena Independência: Galo 1 x 0.

Aos 42 minutos, Luan foi substituído por Josué. Três minutos mais tarde, Cesinha fez boa jogada, chutou de fora da área e a bola saiu rente ao travessão.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO 1 x 0 SÃO PAULO
Motivo: Campeonato Brasileiro (28ª rodada)
Data: 12/10/2014
Estádio: Arena Independência
Cidade: Belo Horizonte (MG)
Gol: Luan (71’)
Público pagante: 15.288
Renda: R$ 331.030,00
Árbitro: Marielson Alves Silva (CBF-1/BA)
Auxiliares: Luiz Carlos Silva Teixeira (CBF-1/BA) e Adson Marcio Lopes Leal (CBF-1/BA)
Cartões amarelos: (Atlético); Denilson (São Paulo)

Atlético
Victor; Marcos Rocha, Jemerson, Edcarlos e Alex Silva; Leandro Donizete, Dátolo, Luan (Josué) e Maicosuel (Cesinha); Carlos e André (Marion). Técnico: Levir Culpi.

São Paulo
Rogério Ceni; Hudson, Antônio Carlos, Edson Silva e Reinaldo; Denilson, Maicon (Boschilla), Michel Bastos e Osvaldo (Ewandro); Alexandre Pato (Luis Fabiano) e Alan Kardec. Técnico: Muricy Ramalho.

 

Site Oficial CAM

domingo, 12/10/2014

Ônibus cai de ponte e deixa uma criança morta e 24 feridas em MG

[ad]Um grave acidente envolvendo um ônibus escolar deixou um menino de 8 anos morto e outras 24 crianças feridas, na manhã deste domingo (12), em uma estrada vicinal de Ibituruna, no Sul de Minas. O veículo caiu de uma ponte.
 

De acordo com o sargento Jakson Wilson, o ônibus seguia para o povoado de Coqueiros para deixar as crianças, que participariam de um passeio ciclístico.

“Não sabemos o que aconteceu para o veículo cair da ponte. O motorista também ficou ferido e não conseguiu passar nenhuma informação”, explicou o militar.

Cauã Vítor da Silva Roque chegou a ser socorrido com vida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu em um hospital de Bom Sucesso. As outras 24 crianças e mais cinco adultos que estavam no  veículo foram socorridos por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levados para o mesmo hospital. O estado de saúde deles não foi divulgado.

 

Foto:Pedro Nascimento(Jornal de Lavras)

 

“O ônibus era da Prefeitura de Ibituruna e estava com a documentação em dia”, disse o sargento.

 

O TEMPO

domingo, 12/10/2014

Mulher de Caratinga morre em grave acidente na BR-262

[ad]A funcionária pública em Caratinga, Meire Monteiro Lopes, 44 anos, morreu num grave acidente no km 78 da BR-262, próximo a Matipó, no final da manhã deste sábado, 11/10. Mais três pessoas sofreram ferimentos.

A ocorrência foi registrada pela Polícia Rodoviária Federal e atendida pelo Corpo de Bombeiros de Manhuaçu, com apoio da Polícia Militar de Matipó e ambulâncias de Manhuaçu e Matipó.

Conforme a reportagem do Portal Caparaó apurou, a colisão frontal envolveu o Fiat Uno, HLW2558/Caratinga, dirigido por Meire Monteiro Lopes, e o Meriva, HMW1970/Bom Despacho, conduzido por José Olímpio  do Carmo, 50 anos.

 

 

Fotos André Fernandes/Portal Caparaó

 

O impacto foi muito forte e foi justamente no lados dos dois condutores. O Meriva parou próximo ao acostamento, enquanto o Uno capotou e ficou com as rodas para cima.

Equipe do Corpo de Bombeiros com o auxílio de dois caminhões guincho e um equipamento desencarcerador conseguiram retirar os dois motoristas e um passageiro do Uno que estavam presos às ferragens.

 

Fotos André Fernandes/Portal Caparaó

 

A motorista Meire Monteiro foi socorrida com vida num quadro de fraturas expostas e fechadas nas pernas e braços. Ela não resistiu e faleceu ao dar entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), em Manhuaçu.

O motorista da Meriva, José Olímpio, e o passageiro do Uno, Gerci Moacir Rosa, 70 anos, sofreram fraturas e também foram retirados das ferragens num quadro grave. A criança de oito anos que estava no banco de trás do Meriva também foi levada para a UPA com suspeita de hemorragia interna.

Meire Monteiro Lopes era funcionária da Prefeitura de Caratinga.

Fotos André Fernandes/Portal Caparaó

 

A perícia esteve no local e fez os levantamentos do acidente.  O trânsito ficou parcialmente interrompido no trecho durante a tarde deste sábado.

 

Portal Caparaó

domingo, 12/10/2014

Marina Silva declara apoio a Aécio Neves no segundo turno

[ad]Marina Silva (PSB) declarou apoio ao candidato Aécio Neves (PSDB) no segundo turno das eleições presidenciais de 2014. O anuncio foi feito em uma entrevista coletiva na manhã deste domingo. Marina assumiu a corrida eleitoral pelo PSB após a morte de Eduardo Campos e terminou em terceiro lugar no primeiro turno.

Durante o pronunciamento, ela lembrou a visita de Aécio a Pernambuco, quando o candidato apresentou o documento “Juntos pela Democracia, pela Inclusão Social e pelo Desenvolvimento Sustentável”, com seus compromissos caso seja eleito. “Quero, de início, deixar claro que entendo esse documento como uma carta compromisso com os brasileiros, com a nação. Rejeito qualquer interpretação de que seja dirigida a mim, em busca de apoio”, disse. “Os compromissos explicitados e assinados por Aécio tem como única destinatária a nação e a ela deve ser dada satisfação sobre seu cumprimento. E é apenas nessa condição que os avaliei para orientar minha posição neste segundo turno das eleições presidenciais”.

 

Foto: Reprodução Internet

 

Marina ressaltou a importância da alternância de poder no Brasil e anunciou o apoio ao candidato do PSDB. “Votarei em Aécio e o apoiarei, votando nesses compromissos,  dando um crédito de confiança à sinceridade de propósitos do candidato e de seu partido e, principalmente, entregando à sociedade brasileira a tarefa de exigir que sejam cumpridos.”

EM

domingo, 12/10/2014

Usina de Três Marias deve parar de gerar energia

[ad]A seca que castiga o Sudeste e o Nordeste está próxima de fazer uma grande vítima no setor elétrico. A usina de Três Marias, construída no leito do rio São Francisco, em Minas Gerais, pode parar de gerar energia no fim de outubro ou início de novembro.

Hoje ela opera com apenas duas das sete turbinas. Com capacidade total de 396 megawatts/hora (MWh) e responsável por quase um terço de toda a geração de energia do São Francisco, Três Marias tem em sua barragem apenas 4,5% do seu volume de água. Trata-se do nível mais crítico desde a inauguração, em 1962.

A água da represa baixou tanto que hoje é possível caminhar em parte do fundo da barragem, onde o cenário é de árida desolação. Onde antes os turistas se reuniam para avistar o “mar doce”, como alguns chamam Três Marias, não há uma gota d’água.

O pier flutuante que ficava na margem está encalhado na poeira, longe da costa, rumo ao que deveria ser o fundo da água. A longa cerca erguida para isolar a usina, antes oculta sob as águas, emergiu totalmente e agora tem fim.

 

Foto; Glaydstom Rodrigues EM D.A Press

Alerta

O risco de paralisação da Usina de Três Marias foi mencionado num documento divulgado pelo Comitê da Bacia Hidrográfica do São Francisco, entidade que monitora toda a região influenciada pelo rio. De acordo com a entidade, Três Marias tende a atingir no final de outubro, mais tardar no início de novembro, o “volume zero”, ou “volume morto”, como se convencionou falar.

“A represa ainda terá água, mas numa quantidade insuficiente para gerar energia”, explica Márcio Tadeu Pedrosa, coordenador do comitê responsável pelo Alto São Francisco, o trecho que corta o Estado de Minas Gerais a partir da nascente.

Segundo Tadeu, o problema ocorre porque hoje a barragem, que funciona como uma caixa d’água, despeja rio abaixo muito mais água do que recebe do rio acima. Como a seca castiga o São Francisco desde a nascente, pouco mais de 30 metros cúbicos por segundo (m³/s) entram em Três Marias atualmente, mas na outra ponta estão sendo liberados cerca de 150 m³/s.

A Cemig, empresa que tem a concessão da usina de Três Marias até 2015, foi reduzindo a geração ao longo do ano, desligando uma turbina de cada vez, à medida que a seca restringia a água. A falta de Três Marias sobrecarrega o sistema elétrico e precisa ser coberta por outras usinas hidrelétricas, térmicas e eólicas.

No entanto, a produção hoje é tão pequena, que já não é considerada fundamental no atual estágio da seca. “A Cemig acredita que pode manter a geração com a água próxima de zero, mas deixou se ser relevante se Três Marias vai ou não gerar energia porque ela está produzindo muito pouco”, diz Hermes Chipp, diretor geral do Operador Nacional do Sistema, o ONS, responsável pela gestão da energia no Brasil. “Operamos a usina pensando nos demais usuários e usinas que dependem da água rio abaixo.”

Depois de Três Marias, o rio São Francisco continua seu curso pelo Norte de Minas e por outros seis Estados, abastecendo a agropecuária e a população de mais de 400 municípios, bem como outras cinco hidrelétricas, incluindo as de Xingó, entre Alagoas e Sergipe, o complexo de Paulo Afonso e a usina de Sobradinho, na Bahia, essenciais ao abastecimento de energia do Brasil.

O ONS defende reter um volume maior de água na barragem neste momento para que possa ter instrumentos para manter o abastecimento rio abaixo nas próximas semanas. “Para o setor elétrico, o importante é monitorar a água de Três Marias para garantir que Sobradinho chegue a final de novembro com 15%”, diz Chipp. Hoje, o reservatório da usina baiana tem 27,5% de água.

EM

domingo, 12/10/2014

Novo tremor de terra assusta moradores de Montes Claros na madrugada deste domingo

[ad]Um novo tremor de terra assustou moradores de Montes Claros, Região Norte de Minas, na madrugada deste domingo. O fenômeno aconteceu às 3h32 e foi sentido pela população de praticamente todos os bairros da cidade que tem 384 mil habitantes. Até o momento, o site do observatório sismológico da Universidade de Brasília (UnB) não divulgou o registro do abalo em Montes Claros. Como no domingo não há expediente na instituição, ainda não foi possível fazer o monitoramento. O Corpo de Bombeiros da cidade informou que recebeu dezenas de chamadas durante a madrugada, mas todas foram de pessoas assustadas ou pedindo orientações de como deveriam agir. Não houve registros de danos.

Montes Claros já tem um histórico de abalos sísmicos, que de acordo com estudos realizados pela UnB e pela Universidade de São Paulo (USP) têm como causa uma falha geológica situada próxima à área urbana. Em abril deste ano, em um único dia foram registrados cinco tremores e o mais forte deles atingiu 3,9 graus na Escala Richter.


Por meio das redes sociais, moradores da cidade comentaram o susto com o tremor de terra. “Tremeu a terra!!! Aqui em Montes Claros, começou o meu DEUS.... sensação horrivél (sic)...”, disse uma usuária do Twitter. “Tremeu tudo aqui em Montes Claros! Nada agradável acordar assim”, comentou um rapaz.

Estudo

Diante do grande número de ocorrências, o observatório da UnB divulgou em seu site, no último mês de abril, uma análise da atividade sísmica em Montes Claros.

“Os tremores têm origem a profundidades entre 1 e 2 km, aproximadamente, ou seja, em rochas cristalinas da parte superior da crosta, abaixo da camada de calcário (resultado ainda a ser confirmado por estudos mais detalhados)”, explica o texto da universidade, que também descarta a relação dos tremores com as pedreiras no município. “Não há evidência de que a exploração nas pedreiras tenha relação com a atividade sísmica. Não é possível prever se a atividade vai continuar diminuindo ou se haverá novo surto com algum tremor de magnitude superior a 4.”

 

EM

domingo, 12/10/2014

Família de Ipatinga bate em carro na contramão


[ad] Antonio Dias - Uma família de Ipatinga foi vítima de uma tragédia no início da noite desse sábado na BR-381, próximo a ponte de Sá Carvalho.

Devid Adalberto Rodrigues, de 32 anos, Elen Kelen Rodrigues, 24 anos, e outros parentes de Ipatinga seguiam em dois automóveis para o enterro da irmã de Elen, na cidade de Campanha no sul de Minas. 

Devid dirigia o automóvel Fiat Uno, cinza, placas GNL 2073 , de Inhapim. Elen e outras pessoas viajavam no automóvel Space Fox, placas MNY 1255, de Coronel Fabriciano, que seguia atrás.

Logo depois que passaram pela ponte de Sá Carvalho, por volta das 18 h, se depararam com o automóvel Fiat Pálio, GUU 3687, de Bom Jesus do Galho, vindo na contramão de direção.

 

 

O carro de Devid foi atingido pelo Pálio e teve a frente totalmente destruída. Ele morreu no local, preso nas  ferragens.




 

Os outros ocupantes do Fiat Uno, três mulheres e um homem, ficaram gravemente feridos e foram resgatados e levados para o Hospital Márcio Cunha em Ipatinga e Hospital São Camilo em Timóteo.

O carro que Elen e suas primas viajavam também foi atingido. Ela contou para o Plox que no veículo em que estava, só uma pessoa saiu ferida.

imprudência


Devid Adalberto Rodrigues morreu no local

 

A reportagem  do Plox também conversou com membros da Polícia Rodoviária Federal e do Corpo de Bombeiros. Segundo as informações colhidas, o motorista do Fiat Pálio, Evilázio Cordeiro dos Reis, que seguia no sentido contrário, tentava fazer uma ultrapassagem proibida no local, que tem faixa contínua. Ao bater de frente com Fiat Uno, seu automóvel teve a frente bastante danificada. Ele sofreu fratura do fêmur e ficou preso nas ferragens.

Leiken Junior Rodrigues Badaró, morador de Ipatinga, esteve no local acompanhando o resgate. Ele criticou a imprudência do motorista do Pálio, que, segundo ele, agiu de forma irresponsável, "tirando a vida de um pai de família, deixando viúva e quatro órfãos e outras pessoas feridas".

Muito abalada, Elen contou que seguiam em velocidade moderada quando foram atingidos pelo Fiat Pálio, ocasionando a tragédia.



O agente Halliday, da Polícia Rodoviária Federal também conversou com o Plox. Segundo ele, infelizmente acidentes provocados por imprudência, principalmente por causa de ultrapassagens em locais proibidos ocorrem com frequência nesse trecho.

Além dos Bombeiros de Coronel Fabriciano, uma unidade de Ipatinga, especializada em desencarceramento de vítimas pesas nas ferragens também deu apoio. Socorristas do Samu também ajudaram no socorros das vítimas.

O corpo de Devid foi removido para o IML de Ipatinga.

sábado, 11/10/2014

Renata Campos declara apoio a Aécio Neves

[ad]O candidato à Presidência da República pela Coligação Muda Brasil, Aécio Neves, recebeu neste sábado (11), no Recife (PE), o apoio de Renata Campos, viúva do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, morto em agosto. O apoio foi anunciado pelo filho João, de 20 anos, que leu a carta da mãe dirigida a Aécio.

“O Brasil pede mudanças, o governo que aí está tornou-se incapaz de realizá-las. Nós continuamos acreditando nos mesmos valores e continuamos com os mesmos sonhos. Só será possível mudar o Brasil, se tivermos capacidade de unir e dialogar, respeitando diferenças”, escreveu Renata Campos.

Na carta a Aécio, Renata reconhece que houve avanços no Brasil, graças aos governantes que passaram pelo Palácio do Planalto. Porém, ela alerta: “É fundamental organizar e arejar a casa”. Emocionado, João Campos leu as palavras da mãe: “Não é a primeira vez que seu caminho cruza com o de Eduardo. Lembro que, lá atrás, em momentos importantes da história, o caminho do seu avô Tancredo cruzou com o de Doutor Arraes”.

Foto:Orlando Brito

No texto lido por João Campos, Renata ressaltou as habilidades de Aécio como gestor e conciliador comparando-o com Eduardo Campos. “Em vários momentos, quando era necessário, você e Eduardo sabiam sentar e dialogar, encontrar caminhos. Eduardo tinha bandeiras muito claras e, se quisermos mudar o Brasil, é preciso levar adiante seus ideais”, afirmou ela.

Por fim, Renata Campos lembrou a história do Nordeste e de Pernambuco. “Aqui, no Nordeste, em Pernambuco, Estado que sempre foi palco de lutas libertárias, que tem um povo generoso com força e coragem, a cara de Eduardo e Arraes”, disse João, reproduzindo as palavras da mãe.

Família

Três dos cinco filhos de Eduardo Campos, João, Pedro e Maria Eduarda participaram do ato político em favor de Aécio Neves. Aécio foi abraçado por Magdalena Arraes, viúva de Miguel Arraes. Também participaram do encontro o governador eleito de Pernambuco, Paulo Câmara, o prefeito do Recife, Geraldo Júlio, o senador eleito e ex-ministro Fernando Bezerra Coelho e Beto Albuquerque, vice na chapa de Marina Silva (PSB).

Foto:Orlando Brito


Após o encontro, o candidato foi para a casa da família Campos almoçar com Renata. Aécio passa o dia em Pernambuco, onde participa de uma série de encontros, incluindo caminhada na região metropolitana do Recife.
 



Política de Privacidade | Entre em contato
© 2008-2014 plox.com.br Todos os direitos reservados. Primeiro portal de notícias e entretenimento do Vale do Aço