carros

Crie ou Acesse seu email


sexta-feira, 27/06/2014

Matrícula para a segunda chamada do Sisu começa nesta sexta-feira

[ad]

BRASIL - Começa nesta sexta-feira (27) o prazo de matrícula para a segunda chamada do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que vai até 2 de julho. O resultado da segunda chamada está disponível no site do Sisu. Os candidatos que não foram selecionados podem participar da lista de espera.

O candidato selecionado deverá verificar, na instituição de ensino em que foi aprovado, o local, horário e os procedimentos necessários. As instituições não receberão matrículas no fim de semana. Caso não cumpra o prazo, o candidato perde a vaga.

Aqueles que não foram selecionados em nenhuma das chamadas poderão acessar o boletim pessoal no site do Sisu e clicar no botão que confirma o interesse em participar da lista de espera. Também podem integrar a lista os candidatos que foram selecionados na segunda opção de curso, mesmo os que já fizeram a matrícula.

sisuFoto: Rodrigo Clemente

A lista de espera é apenas para a primeira opção feita na hora da inscrição. O prazo de adesão vai até 7 de julho. Os candidatos serão convocados pelas instituições a partir do dia 14 do mês que vem.

O Sisu é o sistema informatizado do Ministério da Educação (MEC) no qual instituições públicas de ensino superior oferecem vagas para candidatos participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A seleção tem duas edições a cada ano.

Puderam participar desta edição aqueles que fizeram o Enem 2013 e não tiraram 0 na redação. Segundo o MEC, 1.214.259 candidatos se inscreveram. Foram ofertadas 51.412 vagas em 1.447 cursos de 67 instituições de educação superior federais e estaduais.

Agência Brasil
 

sexta-feira, 27/06/2014

John Green ganha as telas, após o sucesso de seu livro na telona

[ad]

Depois do sucesso da versão cinematográfica do best-seller “A Culpa É das Estrelas”, o escritor John Green terá seu primeiro livro adaptado para o cinema. A atriz e diretora canadense Sarah Polley será responsável pelo roteiro.

O livro “Quem É Você Alasca?”, publicado em 2006, conta a história de um adolescente matriculado em um colégio interno, onde se apaixona por uma menina chamada Alasca. Protagonista de filmes como “Madrugada dos Mortos” (2004) e “Sr. Ninguém” (2009), Polley se destacou no ramo cinematográfico ao dirigir os longas “Longe Dela” (2006), “Entre o Amor e a Paixão” (2011) e o documentário sobre sua família “Histórias que Contamos” (2012).

Apesar de seus predicados como cineasta, Sarah Polley, porém, será responsável apenas pelo roteiro, enquanto o diretor ainda não foi definido.

filmeFoto:Divulgação

“A Culpa É das Estrelas” ganhou sua versão cinematográfica dirigida por Josh Boone e está atualmente em cartaz. O filme mostra a história de Hazel (Shailene Woodley) e Gus (Ansel Elgort), dois adolescentes que se conhecem num grupo de apoio a pessoas com câncer e se apaixonam. O filme traz as dificuldades do romance, uma vez que Hazel precisa estar sempre acompanhada de um tanque de oxigênio, enquanto Gus tem uma prótese no lugar de uma das pernas. O filme lidera o ranking de mais assistidos pelo segundo fim de semana seguido.

Outro romance de Green, “Cidade de Papel”, também ganhará sua versão para as telas, feita pelos mesmos produtores e roteiristas de “A Culpa É das Estrelas”.

Otempo

sexta-feira, 27/06/2014

Câmara de Coronel Fabriciano debate sobre "Políticas Públicas sobre Drogas"

[ad] CORONEL FABRICIANO – Na tarde dessa quinta-feira (26), durante Audiência Pública realizada no plenário da Câmara Municipal de Coronel Fabriciano (CMCF), onde foi debatido o tema “Políticas Públicas sobre Drogas”, o Executivo Municipal, por meio do secretário de Governo, Rogério Thomaz, anunciou que a Prefeitura firmará convênio no valor de R$ 9 mil mensais com o Centro de Assistência Social e Incentivo ao Bem (CASIB) para a retomada do Serviço de Referência em Álcool e Drogas para Criança e Adolescente (Serad/CA) na cidade.

Autor do Requerimento (nº 139/2014) que promoveu a Audiência dessa quinta-feira, o vereador Serjão do Casib comemorou a informação dada pela Administração Municipal. “O retorno do Serad/CA representa um ganho considerável para Coronel Fabriciano. Esse programa visa atender crianças e adolescentes já comprometidos com as drogas, assim como suas respectivas famílias, sem contar que dentro do próprio Serad também são desenvolvidas campanhas de prevenção”, frisou o parlamentar.

Paula Leles, presidente do Conselho Municipal de Políticas Públicas Sobre Drogas (Comad/CF), lembrou que em 2014 ano o Serviço de Referência em Álcool e Drogas para Criança e Adolescente do município deixou de ser financiado pelo Fundo da Infância e Adolescência (FIA). “Com a volta das atividades do Serad, retomaremos esse atendimento extremamente importante, visto que tínhamos 96 famílias cadastradas e acompanhadas diariamente por meio de visitas domiciliares de assistentes sociais e psicólogos”, acrescentou.

 Foto: CMCF

O vice-presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Cristiano Valentim, cobrou da sociedade civil maior participação no combate às drogas. “Essa questão (drogas) não escolhe raça, cor ou posição social. Precisamos avançar nesse debate e a sociedade civil precisa entender o seu papel. Todo esse drama que Fabriciano particularmente vive com o crescimento da criminalidade gira em torno das drogas. A população municipal precisa acompanhar e discutir mais de perto ações para esse enfrentamento, tanto a questão do tráfico de drogas quanto da dependência química. Tem que haver, em torno desse debate, a separação de quem é traficante daquele que é dependente, porque não podemos julgá-los da mesma forma”, enfatizou.

Desafios

Para Serjão do Casib, os encaminhamentos da Audiência realizada nessa quinta-feira perpassam dos desafios existentes no município enquanto políticas públicas sobre drogas. “São eles: a visibilidade do Comad; a elaboração de um diagnóstico municipal para que possamos estabelecer o que será desenvolvido no Programa Municipal de Políticas Públicas Sobre Drogas; além de ação efetiva do Ministério Público, que não tem participado e, consequentemente, são travadas, por conta dessa ausência, as deliberações do próprio Conselho Municipal de Políticas Públicas Sobre Drogas”, apontou.

  Foto: CMCF

Durante a Audiência Pública, o coral do Projeto Missão Batista Cristolândia (criado para ajudar usuários de drogas a vencerem a dependência química), de Belo Horizonte, promoveu apresentação musical no Plenário da Câmara.

Os vereadores Marcos da Luz, Carmem do Sinttrocel, Xingozinho , Eusimeria, Beto Cavaleiro e Ronilson Burrinho também participaram do debate, assim como a secretária municipal de Juventude, Esporte e Lazer, Paula Cristina Silva; e representantes do 58º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Coronel Fabriciano e de outras instituições.

 

 

 

sexta-feira, 27/06/2014

Mãe é suspeita de acorrentar o filho e sair para beber, diz delegado

[ad]

TOCANTINS - Uma moradora de Buriti do Tocantins, extremo norte do estado, é suspeita de manter o próprio filho de 6 anos acorrentado para sair de casa. A informação é do delegado da Polícia Civil de Araguatins, Hélio Domingos de Assis. Ele contou que a mãe, de 41 anos, foi autuada por abandono de incapaz e maus-tratos. Ela chegou a ser presa nesta quarta-feira (25), mas foi solta na tarde desta quinta-feira (26), por ordem da Justiça, segundo o delegado.

A prisão aconteceu depois da denúncia de um vizinho. "Ele ouviu os pulos da criança, que estava acorrentada, decidiu olhar pelo muro e viu que o menino estava com as pernas presas por uma corrente. O vizinho foi quem ligou para a Polícia Militar", contou o delegado.

meninoFoto:Divulgação

Ao chegar à casa da mulher, a polícia conseguiu entrar e soltar o menino. Segundo Assis, a mãe teria deixado a criança sozinha em casa e saído para beber. 

"Ela foi presa perto de um bar e estava sob os efeitos do álcool". A mulher, o menino e uma menina, também filha dela e que estava na casa de uma vizinha, foram levados para a delegacia. "Enquanto a mulher permaneceu presa, os filhos ficaram com uma vizinha porque os parentes não quiseram ficar com eles", completou o delegado.

Assis disse que "o estado de embriaguez era tanto que ela não conseguiu falar muito. Mas ela disse que tem o direito de manter o filho acorrentado. É uma situação difícil, eles vivem em extrema pobreza". De acordo com o delegado, a mãe já esteve envolvida em outro caso como este. Por meio da Defensoria Pública do Estado, a Justiça concedeu liberdade à suspeita.

A reportagem tentou contato com a Defensoria Pública do Tocantins e com o Conselho Tutelar do município, mas os telefonemas não foram atendidos.

G1

sexta-feira, 27/06/2014

Brasil: pai diz que não visita filho por ideologia e surpreende juiz

[ad]

ACRE - Uma decisão do juiz Manoel Pedroga, titular da Comarca do Bujari, cidade distante 22 km de Rio Branco, determina que um pai, que vive na capital, visite o filho de apenas 8 anos. Em sua justificativa, o pai do garoto afirma que não visita o filho por 'questões filosóficas'. A explicação surpreendeu o juiz, mas não convenceu.

Cada vez que o pai deixar de cumprir sua obrigação, não realizando a visita, sem justificativa, terá de pagar uma multa no valor de R$ 100. O juiz determinou ainda que o valor pago em pensão para a mãe da criança deve ser de R$ 325.

"O entendimento dele seria de que você faz um filho e o mundo que deve educar, e chegou a citar vários filósofos com esse pensamento. O que mais me surpreendeu foi ouvir do pai que ele não tem obrigação de visitar o filho. Pode alegar vários fatores, que mora longe, que a mãe dificulta, mas esse tipo de alegação me surpreendeu", disse o juiz.

criançaFoto:Divulgação

Pedroga diz que a decisão é polêmica, porque não se pode 'obrigar alguém a amar', mas acha que esta é uma lição 'pedagógica' para todos os pais ausentes. Segundo o juiz, o pedido de visita partiu da própria criança e esse fator pesou na decisão.

"Já teve casos em que o filho completa a maioridade e pede no Judiciário uma indenização devido à falta de afeto do pai. Agora, da criança, desde pequena, cobrar a presença do pai, até onde tenho conhecimento, é a primeira vez que o Judiciário decide desta maneira. Na maioria das vezes, a pessoa não visita e, contanto que tenha a pensão, não existe a cobrança. Mas sendo que é um pedido da criança, já que a própria mãe diz que o filho é apaixonado pelo pai e não teria resposta, eu tomei a decisão nesse sentido da obrigatoriedade de visita", explica o juiz.

O magistrado afirma ainda que é plausível, por exemplo, deixar de visitar quinzenalmente ou mensalmente, em razão da distância. Mesmo assim, o pai tem a obrigação de se comunicar com o filho sempre que possível.

A visitação deve ocorrer em finais de semana alternados, em que o réu deverá pegar ao menos às 8h horas do sábado, ficando em sua companhia até as 18h do domingo. O dia pode ser alterado se comunicado à mãe da criança com antecedência. Na decisão também ficou determinado os aniversários, em que o menor deve comemorar em anos pares com a mãe e em anos ímpares com o pai, entre outros detalhes como férias escolares, feriados e datas comemorativas.

Ocorreu ainda um pedido de aumento da pensão, mas como para o juiz não ficou comprovado que era possível o pai pagar mais do que estava estabelecido, Pedroga negou este pedido.

A reportagem tentou ouvir o pai e a mãe da criança, mas eles não quiseram se pronunciar sobre o assunto.

 

G1

sexta-feira, 27/06/2014

Fabricianenses são presos em João Monlevade

[ad]JOAO MONLEVADE- Na noite de terça-feira (24), dois moradores de Coronel Fabriciano foram presos na Avenida Nova York, no Bairro Novo Cruzeiro em João Monlevade (MG).

Marcos Antonio Gomes Meireles, de 44 anos, e Jonas Gonçalves da Silva, 33, são moradores do Bairro Morada do Vale e, de acordo com a Polícia, os dois possuem passagens por crimes diversos.

A prisão ocorreu após a Polícia tomar conhecimento de que uma residência havia sido roubada. 
 

 

Eles tiveram acesso a uma filmagem que mostra um veículo Polo Sedan, placas OQU-0388, da cidade de Galiléia, dando voltas pelo bairro.

Diante das informações, policiais militares, com o apoio do Serviço de Inteligência, durante diligência, avistaram o veículo e em consulta ao destacamento da cidade de Galiléia constaram que o veículo com a placa informada estaria dentro da garagem do proprietário, mas que este não se encontrava no local. Os policias deduziram desta forma, de que o veículo conduzido pelos suspeitos seria clocando.

Foram então realizada abordagem na residência onde se encontrava o veículo Polo. No local estariam os suspeitos com os materiais levados por eles da residência assaltada.

A vítima reconheceu os objetos como sendo seus.

Lista dos objetos:
dois aparelhos celulares
dois aparelhos DVD
uma replica de uma pistola, cromada;  várias jóias
uma garrafa térmica;
três facas;
uma televisão
uma guitarra
um violão
um pedestal
um arpão
Diversas ferramentas
uma caixa amplificadora de som com vários cabos
um microfone;
um macaco hidráulico;
vários produtos de perfumaria e cosméticos
três mochilas;
duas carteiras de bolso com vários cartões;
uma sanduicheira  e uma rede de pano de cor bege.

O suspeito Jonas, segundo conta a Polícia, teria sido reconhecido como sendo um dos autores. Os materiais e o veículo foram apreendidos e o veículo removido ao pátio.

Os suspeitos foram levados para a Delegacia e segundo o Boletim de Ocorrência da Polícia Militar, eles foram autuados em flagrante pelo delegado de plantão.
 

sexta-feira, 27/06/2014

Carro colide contra poste no "Morro da Usipa" em Ipatinga

[ad] IPATINGA – Na manhã desta sexta-feira (27), por volta das 8h30,  um Toyota Corolla, de cor prata, placas HNJ-4040, de Ipatinga, colidiu contra um poste de iluminação, no trecho urbano da BR-381 popularmente conhecido como “Morro da Usipa”.

Em entrevista para nossa reportagem, o soldado Silva, da Polícia Militar Rodoviária, disse que o condutor do Corolla, João Paulo de Oliveira Barbosa, de 20 anos, não sofreu ferimentos.

Segundo o policial, o jovem relatou que “no momento em que ele subia o Morro da Usipa, ao fazer a curva tinha uma água que escorria pela pista de rolamento, momento em que ele perdeu o controle direcional do veículo, chocou-se contra o meio-fio e contra o poste de iluminação da Cemig”.

Ainda segundo o soldado Silva, o veículo seria liberado para a empresa seguradora removê-lo do local.


O teste de etilômetro realizado em João Paulo apresentou o resultado de 0,0 miligrama de álcool por litro de ar expelido.

O tráfego de veículos ficou lento na via e alguns condutores que trafegavam sentido Ipatinga paravam para ver o que havia ocorrido, mas eram alertados pelos policiais, para que não ocorresse outro acidente.


Representantes da Cemig compareceram ao local e uma equipe realizaria a substituição do poste, que foi arrancado de sua base, mas foi "sustentado" por fios e galhos.

 

 

 

 

 

sexta-feira, 27/06/2014

Obras de reconstrução de ponte no bairro Caladão em Coronel Fabriciano

[ad] CORONEL FABRICIANO – Nessa quarta-feira (25) a Prefeitura de Coronel Fabriciano demoliu a antiga ponte de madeira que estava com a estrutura comprometida, na rua Guassu, no bairro Caladão.

No local será construída uma nova ponte em concreto e estrutura metálica. A previsão é que a obra seja concluída em quatro meses.

O serviço será executado pela Conspável Construções Ltda. A empresa fica responsável pelo fornecimento de mão de obra, materiais e equipamentos necessários para celebrar o contrato.

A obra está orçada em R$185,5 mil. O recurso é oriundo de um contrato celebrado entre a União, por intermédio do Ministério das Cidades, representado pela Caixa Econômica Federal e o município.



“Essa obra faz parte da política da Administração Municipal de oferecer mobilidade urbana a toda população fabricianense. É uma preocupação da Prefeitura trabalhar para deixar a cidade com melhores condições de tráfego e moradia”, explica a secretária de Obras Públicas, Letícia Bittar.




 

 

 

quinta-feira, 26/06/2014

Conheça dez bibliotecas com acervo digital gratuito

[ad]

Só quem nasceu antes da internet - e não faz tanto tempo assim, já que a rede ganhou popularidades nos anos 2000 - sabe como era o mundo antes que o conhecimento estivesse à distância de um clique.

Para fazer uma simples pesquisa sobre D. Pedro 2º para a aula de história, por exemplo, era preciso ir à biblioteca, encontrar a seção destinada ao tema, olhar sumário por sumários dos livros e, após isso, selecionar qual conteúdo seria adequado.

Hoje, tanto a biografia de D. Pedro 2º como os livros de Sheakspeare ou raridades estão acessíveis sem custo algum na rede. Selecionamos dez endereços digitais com acervo digital gratuito. Veja:

digitalFoto:Getty images

Projeto Gutenberg

É a mais antiga biblioteca digital do mundo, tendo sido criada em 1971 por um estudante da Universidade de Illinois (EUA). Trata-se de um projeto colaborativo, desenvolvido com a ajuda de voluntários em todo o mundo, que reúne obras em domínio público digitalizadas, para serem “baixadas” gratuitamente. A maior parte do acervo é composta por livros de literatura, mas outros tipos de obras também estão presentes (como livros de referência e periódicos). Há obras em diversas línguas, inclusive o português. Há também uma versão da página em português.

http://www.gutenberg.org/

Many Books

Oferece livros que são de domínio público ou que tiveram seus direitos cedidos pelos detentores legais para que fossem disponibilizados no site. Há desde os livros clássicos (como Shakespeare) até os mais contemporâneos. Em diversas línguas, inclusive o português.

http://www.manybooks.net

Veja também: plataformas com conteúdos digitais do ensino médio

Biblioteca Digital Mundial

O projeto é fruto da colaboração entre a Biblioteca do Congresso dos EUA, a UNESCO e parceiros por todo o mundo. Foi lançado em 2009 e visa incluir acervos de todo o mundo. Podem ser incluídos, manuscritos, mapas, livros raros, partituras, gravações, filmes, gravuras, fotografias e desenhos arquitetônicos, entre outros.

Há documentos, por exemplo, que datam de séculos a.C. Pode-se fazer uma pesquisa por período, lugar, tema, tipo de item e instituição contribuinte. Qualquer biblioteca, museu, arquivo ou outra instituição cultural que tenha conteúdo histórico e cultural interessante poderá participar. Utiliza plataforma em diversos idiomas.

http://www.wdl.org/pt/

Brasiliana USP

Esta biblioteca digital é fruto da doação do acervo pessoal do bibliógrafo José Mindlin e sua esposa Guita para a Universidade de São Paulo, que também está materializada na forma de uma biblioteca localizada no campus da USP. Há livros, mapas e imagens em domínio público. Em português.

http://www.bbm.usp.br

Biblioteca Digital de Obras Raras e Especiais

Reúne e disponibiliza a íntegra digitalizada de livros considerados raros (levando em conta o valor histórico, a antiguidade e a não existência de outras impressões ou edições), e que estão localizados nas unidades da Universidade de São Paulo.

http://www.obrasraras.usp.br

Biblioteca Digital do Museu Nacional

Disponibiliza itens do acervo de obras raras da Biblioteca do Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Essas coleções formam um patrimônio de referência nas áreas de ciências naturais e antropológicas. Os arquivos podem ser baixados através desta página e suas versões em altíssima resolução estão disponíveis para acesso em terminais da instituição.

http://www.obrasraras.museunacional.ufrj.br

Biblioteca Virtual da América Latina

Desenvolvida pela Fundação Memorial da América Latina, localizada na cidade de São Paulo, com apoios da FAPESP, tem como objetivo disseminar informação e conhecimento sobre a América Latina, nos aspectos das humanidades, ciências e artes produzidos pelo Memorial da América Latina.

http://www.bvmemorial.fapesp.br

Biblioteca Virtual de Direitos Humanos da USP

Criada pela Comissão de Direitos Humanos da Universidade de São Paulo. Oferece acesso a materiais relativos à defesa e à promoção dos Direitos Humanos no Brasil. São abrangidos textos de Direitos Humanos elaborados, aprovados e proclamados pelos organismos internacionais e ratificados pelo governo brasileiro, todos em português.

http://www.direitoshumanos.usp.br

Biblioteca do IBGE

A Biblioteca do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE possui um vasto acervo de monografias, mapas, publicações, fotografias, cartazes e demais conteúdos relacionados à documentação territorial do Brasil, assim como a própria produção da instituição.

Em Periódicos RBG e RBE, pode-se acessar o conteúdo das duas revistas publicados pelo IBGE: a Revista Brasileira de Geografia (de 1939 a 1995) e a Revista Brasileira de Estatística (de 1940 a 2000).

http://biblioteca.ibge.gov.br

Projeto Livro Falado

Proporciona o acesso às obras por pessoas com deficiência visual. O acervo conta com livros em formato de áudio do Ziraldo, João Cabral de Melo Neto, Jorge Amado, Pedro Bandeira, Sylvia Orthof, Sonia Junqueira e outros autores.

http://www.livrofalado.pro.br

IG

quinta-feira, 26/06/2014

Reunião na câmara é marcada por indagações de anistia de multas a empresa de coletivos urbanos

[ad] Ipatinga - A reunião ordinária desta quinta-feira (26) foi marcada por manifestações de vereadores em relação ao pedido do Executivo Municipal que solicita anistia de impostos municipais para a empresa concessionária de transporte urbano, sob a alegação do não aumento da passagem.

O presidente da instituição, vereador Ley do Trânsito (PSD), em uso da tribuna, citou o nome de vários municípios brasileiros que não autorizaram o reajuste sem renunciar receita. “Tem que haver um equilíbrio, precisamos saber os porquês de a empresa receber tais benefícios, sem dar sua contrapartida, porque a população só reclama dos serviços prestados.

camara IpatingaFoto: divulgação

Jogar um pedido de renuncia de receita nas costas dos vereadores, nos moldes de R$1,5 milhões para não reajustar a passagem, que já é cara, é estranho. Se tal pedido fosse para reduzir o preço, teria sentido, mas para permanecer alto como está não tem sentido”, enfatizou Ley.
Roberto Carlos (PT do B) relembrou os trabalhos da Comissão Especial de Trânsito, criada para acompanhar as planilhas, trabalhos e a licitação que foi feita para uma nova concessão.

“Temos solicitado documentos para entender o sistema sobe e desce e as alegações da empresa para reajustar a passagem, as planilhas de custos, mas não estamos satisfeitos. A Câmara deveria era propor a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do transporte coletivo em Ipatinga”, enfatizou.
Trata-se do projeto de lei 75/14, que “concede anistia temporária do imposto sobre serviços de qualquer natureza – ISQQN e do custo do gerenciamento operacional – CGO, para o serviço público de transporte coletivo do município de Ipatinga”, diz a matéria.


Mais 

Os parlamentares aprovaram a Lei de Diretriz Orçamentária (LDO) com emendas, e os projetos 27/14, que inclui no calendário oficial de eventos do município o teatro da Paixão de Cristo, e o 53/14, que também inclui no calendário o Dia Municipal de Motorista do Transporte Escolar.

Já o 57/14 autoriza o Executivo a contratar financiamento perante a Caixa Econômica Federal, e o 58/14 declara de utilidade pública a Associação dos Agricultores Familiares de Ipatinga.
Um segundo pedido do Executivo, de contrair empréstimo junto ao BNDES, para a modernização da administração tributária do município, teve pedido de sobrestamento do vereador Roberto Carlos (PT do B), que acabou sendo rejeitado pela maioria dos vereadores.
Com a rejeição do pedido de retirada do projeto de pauta, o projeto seguiu para a votação e foi aprovado.

quinta-feira, 26/06/2014

Ex-Paquito vira pastor após se envolver com prostituição: "Nem a Xuxa me ajudou"

[ad]

Há 13 anos, Alexandre Canhoni trocou os palcos e a carreira musical – que começou ao lado de Xuxa como o Paquito Xandi - por uma vida religiosa e assistencialista no Níger, África.

Passados exatos vinte anos do fim do “Xou da Xuxa”, Alexandre, que hoje é pastor evangélico, diz ter orgulho da escolha que fez. “Abri mão de todos os contratos por opção própria, porque vi que ajudar o próximo é muito mais valioso do que ter fama, ouvir aplausos ou gritos de fãs. Prefiro ter a vida que tenho hoje, no anonimato da fama, mas sendo visto por Deus”, conta ele em entrevista.

"Pelo tipo de vida que eu tinha, acredito que já teria me perdido, ou até mesmo tirado minha vida, como muitos outros artistas fizeram. Se continuasse no caminho que eu estava vivendo, provavelmente não estaria vivo”, analisa.

africaFoto:Divulgação/Arquivo pessoal

No Brasil para arrecadar fundos para o projeto que toca ao lado da mulher, Giovanna, no continente africano, Alexandre conta que as amizades que tinha nos anos de fama ficaram no passado. “Até hoje, ninguém do meio artístico ajuda ou ajudou o projeto. Nem a Xuxa me ajudou. Ninguém retornou meus contatos”. Atualmente, seu novo desafio é conseguir comprar automóveis para facilitar a locomoção de sua família - são 15 filhos adotivos. “Precisamos de um carro 4x4 para que não atole na areia do deserto, já que moramos no Sahara, e de um microônibus para levar as crianças à escola”, explica ele, que pede doações no site do projeto “Guerreiro de Deus”.

Desejo de fama

Com uma vida muito diferente da que levava na década de 1990 como Paquito, Alexandre relembra que a vaidade e algumas escolhas atrapalharam sua carreira. “Meus colegas de escola me indicaram para um teste quando eu morava em Belo Horizonte. Como tinha o desejo de ser famoso, comecei a fazer os testes e passei em todos”, recorda ele, que não se contentou em ser só mais um coadjuvante de Xuxa. “Saí para carreira solo pois sempre gostei de música e gostava de cantar ao vivo. Na Xuxa era sempre playback e eu queria ter liberdade para fazer a música que gostava”.

Sexo e drogas

Ainda artista, ele se envolveu com drogas e prostituição. “Experimentei maconha, mas nunca fui de fumar, e cocaína, que me deixava para baixo. Também me envolvi com prostituição. Não cheguei a gastar muito dinheiro, mas tive muitas relações fora do casamento. Só consegui sair dessas práticas após a entrega real e radical que tive em seguir Jesus”.

paquitoFoto:Divulgação/Arquivo Pessoal

Para o pastor, voltar aos palcos está fora de cogitação, nem mesmo para um especial ao lado dos ex-colegas. “Ainda canto e tenho CD's gravados que divulgo quando estou no Brasil. Isso ajuda no projeto, mas tenho que voltar porque as crianças e os discípulos precisam de mim lá. Se fosse para cantar algo da época (de Paquito), não toparia. Não canto e nem escuto mais nenhuma dessas músicas".

Serviço:

Para os interessados em conhecer mais do projeto “Guerreiro de Deus” do ex-Paquito Alexandre Canhoni, o pastor deixa o site : www.guerreirosdedeus.com.br

 

IG

quinta-feira, 26/06/2014

Matemático dá dicas para aumentar as chances de ganhar na Mega-Sena

[ad]

Técnicas simples podem ajudar apostadores a aumentar as chances de faturar o prêmio da Mega Sena, de acordo com o matemático e dono de lotérica Munir W. Niss, também conhecido como Munir Pé-Quente. Autor do livro ”O Segredo das Loterias”, Munir diz ter acertado seis quinas e 48 quadras no sorteio de 2012.

“O ideal é apostar em bolões com ótimos esquemas”, diz o matemático, que aposta em todos os bolões da lotérica que administra. Para incrementar o jogo, ele usa uma série de pequenos truques.

Um deles é equilibrar o número de dezenas marcadas em cada parte do volante, selecionando a mesma quantidade de dezenas de 01 a 30 e de 31 a 60, e a mesma quantidade de números do lado esquerdo (com finais 1, 2, 3, 4 e 5) e do lado direito (com finais 6, 7, 8, 9 e 0).

megaFoto:Divulgação/Ig

Números dobrados não devem passar de dois. Nada de emplacar 11, 22, 33, 44 e 55 simultaneamente. “A maior incidência é ser sorteado apenas uma dobrada”, afirma Munir.

Apostas sequenciais e com todos os números de finais iguais também devem ser evitadas. Para seguir a regra de Munir, o apostador não deve nem pensar em imprimir bilhetes com 01 – 11 – 21 – 31 – 41 – 51. Ele diz que nunca viu um resultados destes.

 

IG

quinta-feira, 26/06/2014

Escassez de profissionais torna crescente a demanda por contadores

[ad] IPATINGA – O crescente perfil empreendedor do Brasil tem demandado cada vez mais a atuação dos profissionais de Ciências Contábeis. De acordo com os dados do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), apesar de contar com 412 mil profissionais registrados, a área de vive hoje um desafio: a falta de mão de obra contábil qualificada. A quantidade de formados, justifica o Conselho, é insuficiente para atender as necessidades dos cinco milhões de empresas no Brasil. Considerando-se os negócios informais, o número de empresas no país alcança a marca de 20 milhões de negócios. Nesta base, existem 50 empresas para cada contabilista (técnico + contador) e 135 empresas para cada contador (bacharel Contabilidade).

No Vale do Aço, a escassez por estes profissionais também é uma realidade. Segundo a coordenadora do curso de Ciências Contábeis da Unipac, Vera Valgas, estima-se que exista apenas um contador para cada grupo de 973 habitantes. A título de comparação, a média estadual é de 733 habitantes por contador.

Na avaliação da coordenadora, o momento é promissor para quem já atua na área e para quem deseja cursar Ciências Contábeis. “Temos uma demanda elevada por estagiários porque nossa região é bastante avançada economicamente. O Vale do Aço possui muitas empresas dos mais diferentes perfis. Frente a esse cenário, logicamente aumenta-se a procura por contadores. O nível de empregabilidade é tão alto que os alunos já saem empregados antes mesmo de se formar. O mercado está tão aquecido que até os alunos do terceiro e quarto períodos já recebem propostas de trabalho não só de empresas locais, mas de outras regiões”, relata.

Gestão

Historicamente, a contabilidade é uma das ciências que mais contribui para a gestão econômica e financeira de empresas públicas e privadas, tendo passado por profundas mudanças com o advento da informática e a explosão tecnológica. No Brasil, as mudanças no cotidiano do profissional contador encontram-se ainda mais em evidência, em decorrência da convergência da contabilidade brasileira para os padrões internacionais (IFRS) e a implantação do SPED – Sistema Público de Escrituração Digital.

Segundo a coordenadora Vera Valgas, atualmente a contabilidade encontra-se em destaque entre as ciências gerenciais pela riqueza e profundidade das informações que reúne. “É inegável a importância desse profissional para a geração de riqueza, desenvolvimento econômico e sustentabilidade junto às instâncias mais elevadas da hierarquia organizacional. É uma tendência da contemporaneidade que altos cargos administrativos sejam ocupados por graduados em Ciências Contábeis. No entanto, é importante ressaltar que esse reconhecimento vem para aqueles que sabem atuar como gestores, com visão gerencial para orientar e respaldar os processos decisórios”, esclarece.

A coordenadora também informa que área é diversificada e oferece opções que vão desde a fiscalização de contas de uma empresa à coordenação de operações fiscais no setor público. “Muitos acreditam que o trabalho resume-se a cálculos e contas, mas o contador precisa, além de ser organizado e metódico, saber interpretar os números. A partir dos eventos econômicos, ele irá fornecer informações para a tomada de decisões sobre a direção dos negócios”, conclui Vera Valgas.

Vestibular

Com todas essas possibilidades de atuação e um mercado aberto a novos profissionais, o curso de Ciências Contábeis da Unipac conta com uma grade curricular atualizada com as tendências mercadológicas, corpo docente qualificado e em compasso com o mercado de trabalho, além de laboratórios e aulas práticas. As inscrições para quem tem interesse no curso de Ciências Contábeis estão abertas. Elas podem ser feitas no site da Unipac. 
 

quinta-feira, 26/06/2014

Suspeito de matar mãe de seu filho em Coronel Fabriciano poderá ir a júri popular

[ad]CORONEL FABRICIANO – Aconteceu na tarde desta quarta-feira(26) a audiência de instrução e julgamento de Leonardo Junior, conhecido como “Chumbrega”.

Ele chegou escoltado ao Forúm de Fabriciano por agentes penitenciários por voltas das 13h.

Parentes de Leonardo estavam presentes, assim como o advogado nomeado para fazer a defesa, Thiago Xavier.

Estavam presentes ainda Aparecida, mãe da vítima Ingrid e o padrasto da vítima, Rogério Quirino.

 

Chumbrega é um dos protagonistas de um crime que aconteceu em Outubro de 2012, na rua Vale do Tefé, bairro Morada do Vale. A bárbarie comoveu toda a população. Chumbrega é suspeito de ter efetuado diversos disparos de arma de fogo na cabeça de Ingrid Lohany, 15 anos, com quem tinha um filho, um bebê de apenas dois anos.

O crime

Relatos dão conta de que, movido por ciúmes, Chumbrega teria ameaçado Ingrid de morte pelo fato de que ela estaria em um novo relacionamento com um indivíduo por nome de Udson. No momento dos tiros, Ingrid segurava o filhos deles no colo. Segundo contam as testemunhas, após ser atingida por um dos disparos ela após caiu ao chão, Chumbrega então teria pego a criança e fugido. Neste momento o padrastro de Ingrid, ao tentar conter a fuga do assassino atirou três vezes para cima e uma vez na direção dos pés do suspeito. Porém, o tiro acertou a cabeça do bebê que estava no colo do pai. A criança também morreu na hora. Segudo contam populares, Chumbrega deixou o filho deitado na calçada e saiu em fuga, sendo recapturado em uma residência no mesmo Bairro no dia 7 de julho de 2013.

 

PERIGOSO

Chumbrega é considerado pelos policiais um criminoso de alta periculosidade. Quando ele foi preso, os policiais tiveram informações de que ele teria dito que estava a espera dos policiais que iriam prendê-lo. Durante entrevista concedida ao PLOX ele teria inclusive ameçado a repórter após uma pergunta.

Clique na foto e veja com vídeo a prisão do suspeito

TENTATIVA DE HOMICÍDIO

Três meses antes da morte de Ingrid e do seu filho, Chumbrega teria sido vítima de uma tentativa de homícidio no Bairro Morada do Vale. Relembre:

Tentativa de homicídio no bairro Morada do Vale em Fabriciano

JURI POPULAR

Chumbrega, desde sua captura, está preso na cadeia de Coronel fabriciano. De acordo com o advogado Thiago Xavier, durante seu depoimento, ele assumiu ter efetuado os disparos em Ingrid e disse que a motivação seria de que ele descobriu um plano arquitetado entre Ingrid e seu namorado, Udson para matá-lo.

Ele teria relatado que antes de Ingrid ser morta, o namorado dela, Udson, teria passado de carro em frente a casa da jovem e disparado diversas vezes contra ele, sem contudo atingí-lo. Ele teria dito que agiu sob forte emoção, se armou e executou a moça. O juiz ouviu as partes envolvidas.

O juiz ouviu as testemunhas de acusação e de defesa. O processo agora irá para a Promotoria a fim de que seja realizado os oferecimentos das alegações finais. Após isto, o processo vai para a Defesa e em seguida o juiz decidirá se Chumbrega vai ou não ser levado a júri popular. Caso se sente no banco dos réus, o jugamento deverá acontecer ainda este ano.

O PADASTRO

O suspeito de ter atirado no bebê, padrastro de Ingrid, Rogério Quirino, responde em liberdade por homicídio doloso  e também deverá ir a júri pela morte do bebê.

DESABAFO DE MÃE

A mãe de Ingrid, Aparecida, conhecida como “Cida”, disse que no dia do crime não estava em casa. Ela disse que teria ido a cadeia visitar seu outro filho que estava preso. Ela relata que Chumbrega sempre ameaçava Ingrid de morte.”Depois da minha filha cair no chão ele ainda deu mais três tiros na cabeça da minha filha, dentro da minha casa. Ele correu com meu neto e fez dele um escudo para se proteger dos tiros. Eu espero que a Justiça haja sem dó deste assassino. Perdi minha filha e meu neto. Dupla dor. Acabou com minha vida”.
 

quinta-feira, 26/06/2014

Pré-candidatos fogem dos estádios com medo de vaias

[ad]

BRASIL - Os ingressos para os jogos do Brasil na Copa tem sido disputados a unhas e dentes. O tíquete tem sido comercializado a peso de ouro por quem ainda os têm, tamanha a procura. Mas, há um grupo em especial que, mesmo com acesso fácil às entradas tem fugido de gramados, jogadores e, principalmente, torcedores, ou melhor, eleitores. Depois das vaias e xingamentos à Dilma Rousseff (PT), os pré-candidatos ao Palácio do Planalto e ao governo de Minas não se arriscam a ver os jogos nos estádios.

Longe de possíveis constrangimentos, Aécio Neves (PSDB), Eduardo Campos (PSB), Pimenta da Veiga (PSDB) e Fernando Pimentel (PT) preferem acompanhar as partidas com a família e aliados. Contato com o público, só por meio das redes sociais e páginas oficiais, com a publicação de fotos em local e companhias tidas como “seguras”.

dilmaFoto:Douglas Magno

Às vésperas do início da Copa, o senador cogitou ir a diversos jogos em estádios de cidades governadas por aliados, como Salvador de ACM Neto (DEM) e Manaus de Arthur Virgílio (PSDB). Aécio chegou a dizer que talvez viesse a Belo Horizonte, no próximo sábado, para Brasil e Chile, mas nessa quarta informou que desistiu. Segundo sua assessoria, ele optou por participar de uma convenção em Goiânia.

O tucano é figura recorrente em estádios, principalmente no Mineirão, em jogos importantes do Cruzeiro ou da seleção. Em 2008, em amistoso do Brasil com a Argentina, chegou a ouvir provocações de parte da torcida.

Eduardo Campos também tinha planos de ir ao Castelão, em Fortaleza, e na Arena Pernambuco. Mas até agora também não se aventurou pelos estádios. Segundo sua assessoria, ele não tem ingressos e tem optado pela companhia da família, exceto no dia em que torceu ao lado do ex-jogador e deputado federal Romário (PSB). No sábado – dia da convenção nacional do PSB – estará em Brasília. Ainda segundo a assessoria, a decisão não está relacionada a apreensão com as vaias.

Sem opção, Dilma terá que ir ao Maracanã para a final do Mundial, em 13 de julho. Mais uma vez, ela não deverá fazer discursos.

Em Minas, Pimentel cogita ir ao Mineirão, no sábado, com os filhos, mas segundo sua assessoria ainda há dúvidas “por questão de agenda”. Se o petista for, irá como torcedor e, segundo a assessoria, por isso não teme qualquer vaia ou recepção negativa. O seu provável concorrente, Pimenta da Veiga não pretende ir a partidas. Procurada, sua equipe não informou se a decisão está associada ao medo de vaias.

Barbosa não foi incomodado

Brasília. No último jogo do Brasil, em Brasília, não se viu grandes repercussões. Alheio às cobranças do eleitor e bem quisto pela população, o presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, assistiu à partida sorridente na segunda-feira.

Estavam próximos dele o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), os senadores Fernando Collor (PTB-AL), Gim Argello (PTB-DF) e Jorge Viana (PT-AC), e os deputados Marco Maia (PT-RS) e Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

No camarote do governo passaram 11 ministros. Entre eles, Aldo Rebelo, José Eduardo Cardozo, Celso Amorim e Marco Aurélio Garcia.

 

Otempo



Política de Privacidade | Entre em contato
© 2008-2014 plox.com.br Todos os direitos reservados. Primeiro portal de notícias e entretenimento do Vale do Aço