Europa tem recorde de número de casos e mortes por covid-19

Alemanha tem recorde de novas infecções, enquanto Portugal tem número mais alto de internações. Rússia quebrou recorde de mortes diárias

Por Plox

18/11/2020 12h28 - Atualizado há 6 dias

Enfrentando a segunda onda do novo coronavírus, a Europa registrou nesta quarta-feira (18) recorde de novos casos, internações e mortes por covid-19 em diversos países.

A Alemanha registrou nesta quarta-feira mais 305 mortes por covid-19, o que significa o segundo número mais alto desde o início da pandemia, em dia de queda na quantidade de casos de infecção, na comparação com a última semana.

Europa enfrenta segunda onda da pandemiaMax Cavallari / EFE - EPA - 12.11.2020

 

O recorde nas notificações de falecimentos ainda é do dia 16 de abril, quando foram contabilizadas 315 vítimas no país.

O número total de óbitos causados pela covid-19 no território alemão é de 13.119.

Nas últimas 24 horas, de acordo com boletim do Instituto Robert Koch (RKI), a agência epidemiológica da Alemanha, 17.561 casos de infecção pelo novo coronavírus, elevando o total desde o início da pandemia para 833.307.

No último dia 9, foram 23.542 positivos notificados, o recorde no país, que por vários dias teve contágio acima da barreira dos 20 mil, o que aponta para uma queda nesta quarta-feira.

Atualmente, de acordo com o RKI, há cerca de 284 mil casos ativos de infecção, sendo que 3,5 mil pessoas estão internadas em unidades de terapia intensiva o país.

Portugal bate recorde de internações

Portugal atingiu nesta quarta-feira o maior número de pacientes internados com sintomas da Covid-19 de toda a pandemia, dois dias antes do Parlamento do país votar a prorrogação do estado de emergência até 7 de dezembro.

 

  •  

De acordo com fontes oficiais, atualmente, 431 pessoas estão hospitalizadas em UTIs.

Ontem, as autoridades portuguesas divulgaram o registro de mais 81 mortes provocadas pela covid-19, o que elevou o total para 3.552. Por outro lado, a quantidade de casos de infecção saltou para mais de 230 mil desde março.

A situação mais preocupante segue sendo a da região norte, que acumulou mais de 66% dos positivos contabilizados ontem.

Desde segunda-feira, um total de 191 municípios, entre eles, Lisboa e Porto, estão sob confinamento parcial e toque de recolher, que vai de segunda à sexta-feira, de 23h às 5h, e nos fins de semana, entre 13h e 5h.

A determinação, dada para reduzir a propagação do novo coronavírus, abrange mais de 80% da população portuguesa.

Rússia tem recorde de mortes

A Rússia registrou nesta quarta-feira, pelo segundo dia consecutivo, o recorde de mortes por covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus, em dia de ligeira queda na quantidade do número de casos de infecção.

Segundo o Ministério da Saúde do país, nas últimas 24 horas, foram notificados 456 óbitos, que elevam o total desde o início da pandemia da doença para 34.387.

No balanço divulgado hoje, constam 20.985 casos confirmados de infecção. A Rússia é o quinto país mais afetado pela propagação do novo coronavírus, com 1.991.998 infecções confirmadas. Estados Unidos, Índia, Brasil e França, apenas, tem situação pior.

Ainda de acordo com as autoridades locais, quantidade de novos casos é a menor desde a última quarta-feira.

Nas últimas 24 horas, pela primeira vez desde setembro, foi registrado número maior de recuperações do que de infecções. Ao todo, ontem, 25.179 pessoas foram consideradas livres do novo coronavírus.

 

 

Fonte: https://noticias.r7.com/internacional/europa-tem-recorde-de-numero-de-casos-e-mortes-por-covid-19-18112020
PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2020