Brasil

atitude

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Mulher recebe doação de útero da mãe para realizar sonho de ter outro filho

    Kirsty havia perdido o útero em abril de 2021 durante uma histerectomia de emergência

    Por Plox

    01/03/2023 17h47 - Atualizado há cerca de 1 ano

    Uma mulher australiana, Kirsty Bryant, de 30 anos, poderá realizar o sonho de ter seu segundo filho após receber um transplante de útero de sua mãe, Michelle Hayton, de 54 anos. A cirurgia foi realizada com sucesso no Royal Hospital for Women de Sidney e marcou o primeiro transplante bem-sucedido de útero na Austrália. Kirsty havia perdido o útero em abril de 2021 durante uma histerectomia de emergência no parto de sua primeira filha.

    "Fiquei incrivelmente grata por ter uma menina feliz e saudável, mas estava muito, muito triste com a ideia de não poder ter outro filho", contou Kirsty ao Channel Nine's 60 Minutes. A mãe de Kirsty não teve dúvidas quando recebeu a proposta de sua filha. "Kirsty me ligou e disse 'Oi, mãe. O que você acha de fazer uma histerectomia e me dar seu útero?' e eu prontamente respondi: 'Não tenho nenhum problema com isso'", contou Michelle ao Channel Nine's.

     

    Foto: Facebook Sylvia Jeffreys / Reprodução

     

    O procedimento, que levou cerca de 11 horas para remoção do útero de Michelle e quatro horas para que fosse colocado em Kirsty, foi realizado pela médica Rebecca Deans e pelo cirurgião sueco Mats Brannstrom, que em 2014 realizou o primeiro transplante uterino do mundo.

    Apesar da cirurgia ter sido bem sucedida, houve desafios pós-operatórios, com Kirsty precisando de transfusões 24 horas após a cirurgia, quando ela sofreu uma perda significativa de sangue. "Mas ficou tudo bem", disse Deans.

    Kirsty e seu marido Nick devem começar um processo de fertilização, já que têm seis embriões congelados, cerca de cinco meses após o procedimento. Kirsty comentou que "é um presente maravilhoso que minha mãe está me dando - ela é muito generosa e é a razão pela qual eu quis ser mãe em primeiro lugar. É incrível pensar que vou carregar um bebê no mesmo útero que cresci".


     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2024[email protected]