Chuva e rajadas de vento provocam estragos em Ipatinga

Os bairros mais afetados foram o Industrial, Horto e Ferroviários

Por Plox

01/03/2024 18h38 - Atualizado há 5 meses

Na sexta-feira (3) à tarde, um temporal com fortes rajadas de vento atingiu a região do Vale do Aço, provocando prejuízos em diversas áreas de Ipatinga. Os bairros mais afetados foram o Industrial, Horto e Ferroviários, onde a intensidade da tempestade causou diversos estragos.

O destaque dos incidentes foi o colapso do teto do posto de combustível Faisão, localizado na avenida Pedro Linhares Gomes, parte da BR-381 que atravessa a área urbana. 

Um vídeo amplamente divulgado nas mídias sociais mostra o momento em que a estrutura desabou sobre um caminhão que estava estacionado no local, evidenciando a força da tempestade.

 

No bairro Horto, outra árvore caiu, desta vez sobre um carro que estava estacionado, contribuindo para o congestionamento do trânsito na área.

Foto: reprodução

Além disso, no Morro da Usipa, um dos pontos de acesso à cidade, a queda de uma árvore causou alarde entre os transeuntes. A situação se repetiu na mesma avenida Pedro Linhares Gomes, perto da estação ferroviária Intendente Câmara, onde um poste com transformador foi ao chão devido ao vendaval, bloqueando uma das faixas de tráfego e complicando a circulação no sentido centro.

 

 

 

A Prefeitura de Ipatinga emitiu uma nota sobre as fortes chuvas.

 

Foto: Reprodução/Redes Sociais 

 Leia a nota na íntegra: 

“A Prefeitura Municipal de Ipatinga informa que, nesta sexta-feira (1), um novo temporal atingiu a cidade, sendo o terceiro em três meses. Em pouco mais de 20 minutos, registrou-se uma precipitação de 12mm.  A chuva intensa, acompanhada de ventos de até 25km/h, ocasionou a queda de galhos e árvores nas áreas do bairro Horto, Shopping Vale do Aço, Morro das Lavadeiras e Bom Jardim. Também foram registradas quedas de árvores no Bom Retiro e nas proximidades do Hospital Márcio Cunha.  Nossas equipes foram acionadas imediatamente e entraram em ação. No entanto, os danos na rede elétrica exigem cautela no trabalho, prolongando a desobstrução das vias devido à necessidade de desligamento por parte da Cemig.  A Defesa Civil, em colaboração com as secretarias de Obras e Serviços Urbanos, está de plantão e dará prioridade ao atendimento das vias interditadas e regiões mais prejudicadas”

 

Alerta de chuvas intensas e ventos fortes no Vale do Aço

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu na manhã de sexta-feira (1°) um comunicado de alerta para o Vale do Aço, prevendo chuvas intensas até a manhã do sábado (2). O aviso indica que a região pode esperar precipitações variando entre 30 e 60 mm/h ou acumulados de 50 a 100 mm ao longo do dia, acompanhadas de ventos que podem atingir velocidades de 60 a 100 km/h.

As condições meteorológicas adversas trazem consigo uma série de riscos potenciais, incluindo a possibilidade de interrupções no fornecimento de energia elétrica, quedas de galhos e árvores, alagamentos em áreas vulneráveis, além de aumentar o perigo de descargas elétricas.

Destaques