Homem é preso suspeito de abusar de 3 enteadas em MG

A mãe das vítimas também enfrenta acusações similares, mas sob a categoria de omissão imprópria.

Por Plox

01/03/2024 07h32 - Atualizado há 5 meses

Nessa quinta-feira (29), um homem de 29 anos foi preso em Corinto, no centro de Minas Gerais, sob suspeita de violentar sexualmente suas três enteadas, duas com 14 anos e uma com 17 anos, após investigação conduzida pela Polícia Civil. Após a conclusão das investigações, o homem envolvido foi formalmente acusado de estupro de vulnerável e de menor de 18 anos. A mãe das vítimas também enfrenta acusações similares, mas sob a categoria de omissão imprópria.

Foto: Divulgação/PCMG

Após receber uma denúncia anônima, o Conselho Tutelar de Corinto iniciou uma investigação sobre um homem que mantinha contato sexual  com uma adolescente de 17 anos, recorrendo a ameaças. Foi também revelado que a mãe da jovem tinha conhecimento da situação, mas não agiu para impedir os atos. De acordo com Polícia Civil, duas enteadas do investigado, teriam começado a sofrer os abusos após o início da convivência familiar com o padrasto, desde 2020. Já a irmã  mais velha, de 17, teria sido abusada pelo homem, a partir dos 13 anos de idade.

Relatos apontam que, sob ameaças, a enteada mais velha mudou seu comportamento para proteger o padrasto, incluindo saídas conjuntas e consumo de álcool, resultando em retorno à residência em estado de embriaguez. Apesar das denúncias das duas irmãs mais novas, a mãe não agiu, alegando na delegacia incerteza sobre a veracidade das acusações, ponderando se poderiam ser apenas "brincadeiras". Confrontado, o padrasto negou todas as acusações.

 

 


 

 


 

 


 

 

Destaques