PF investiga comércio ilegal de notas falsas e tráfico drogas em MG

O objetivo da operação realizada hoje foi confiscar dinheiro falso, drogas, armas, e coletar mais provas para fortalecer o caso, incluindo dispositivos eletrônicos, documentos escritos e outros itens relacionados

Por Plox

01/03/2024 09h19 - Atualizado há 5 meses

Na manhã desta sexta-feira (1º ), a Polícia Federal realizou a Operação Fake Dealer em João Monlevade, Minas Gerais. O foco da operação é um indivíduo suspeito de envolvimento na aquisição e circulação de dinheiro falso, conforme mandado de busca e apreensão emitido pela 2ª Vara Cível e Criminal de Ipatinga/MG. Este suspeito já foi capturado anteriormente ao receber cédulas falsificadas pelos Correios, adquiridas por meio de redes sociais.

Foto: Divulgação/PF

A investigação ampliou-se ao descobrir indícios de que o acusado poderia estar envolvido também com o comércio ilegal de drogas sintéticas e posse ilegal de armas de fogo. 

Foto: Divulgação/PF

O objetivo da operação realizada hoje foi confiscar dinheiro falso, drogas, armas, e coletar mais provas para fortalecer o caso, incluindo dispositivos eletrônicos, documentos escritos e outros itens relacionados às atividades ilícitas do suspeito. 

Foto: Divulgação/PF

As buscas se concentraram na residência do acusado, buscando aprofundar as investigações sobre suas conexões com o tráfico de drogas e a falsificação de cédulas

Destaques