Ipatinga

acontece

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    "Trabalhadora sexual também é uma prioridade", afirma representante das profissionais do sexo de MG

    A representante relata dificuldade da categoria durante a onda roxa

    Por Plox

    01/04/2021 19h13 - Atualizado há 7 meses

    Com as novas restrições adotadas pelo Governo de Minas, como a onda roxa que proíbe várias atividades no estado, vem afetando não só os comerciantes, mas também também as profissionais de sexo, algumas já até paralisaram o trabalho.

    A informação foi confirmada pela presidente da Associação de Prostitutas de Minas, Cida Vieira. Segundo a representante, mesmo neste momento de pandemia as profissionais vinham fazendo o uso de álcool em gel e exigindo o uso da máscara por parte dos clientes.

    "Estamos aguardando as vacinas, porque trabalhadora sexual também é uma prioridade. As mulheres são arrimo de família e muitos profissionais do sexo passam por dificuldades. A gente faz pedido de cesta básica, leite e fraldas para nos ajudar", explica Cida.

    Foto: Reprodução

     

    Segundo a prefeitura de Belo Horizonte, eles estando atuando para que possam ajudar todos esses grupos que sofrem com esse momento, com cestas básicas, conforme critérios socioeconômicos. A prefeitura ainda disse está ajudando pessoas que não são da cidade e

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]