Ipatinga

economia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Governo de MG anuncia escala de pagamento de maio

    Segundo o Governo, para os servidores que recebem mais de R$ 2 mil, o pagamento será parcelado

    Por Plox

    01/05/2021 10h44 - Atualizado há 6 meses

    Nessa sexta-feira (30), Romeu Zema, governador de Minas Gerais, anunciou a escala de pagamento de maio, referente ao mês de abril de 2021. Como tem acontecido, o pagamento será parcelado.

    Segundo Zema, a primeira parcela do salário dos servidores, no valor de R$ 2 mil, será depositada no quinto dia útil do mês, no dia 7/5, antes do Dia das Mães.

    Foto: reprodução

     

    De acordo com o Governo do Estado, os servidores que recebem até R$ 2 mil receberão o salário de forma integral. Já os servidores das áreas de Saúde e Segurança recebem o pagamento integral, também no dia 7.

    Conforme divulgado por Zema, a segunda parcela será paga no dia 20/5 e, no mesmo dia, serão depositados os auxílios fardamento e de vestimenta, que são pagos anualmente.


    Governo de Minas confirma pagamento de R$ 500 de auxílio a famílias carentes

    Na tarde da última quinta-feira (29), Romeu Zema confirmou o pagamento do auxílio emergencial de R$ 500, por família, aos cidadãos mineiros em situação de extrema pobreza, com renda per capita familiar de até R$ 89, conforme base de dados do Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico).

    A expectativa é de que 1,080 milhão de famílias sejam beneficiadas. A medida foi aprovada na quinta-feira pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) em primeiro turno.

    Foto: Gil Leonardi/ divulgação/ Imprensa MG

     

    De acordo com a proposta, a previsão é de que o auxílio de R$ 500 seja quitado em parcela única em agosto deste ano, após o pagamento da última parcela do auxílio emergencial que está sendo efetuado pelo Governo Federal.

    Segundo Zema, para efetuar o pagamento do auxílio serão utilizados recursos do Refis, programa de renegociação de dívidas de empresas, aprovado pelo Governo do Estado em março deste ano no Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz).

    O Refis alcança todos os débitos de ICMS, em aberto ou parcelados, inscritos ou não em dívida ativa, ocorridos até dezembro de 2020, e garantirá às empresas que aderirem a ele descontos de até 90% nos juros e multas de suas dívidas de ICMS. O parcelamento poderá ser feito em até 84 vezes. As reduções se aplicam somente aos juros e multas aplicados sobre a inadimplência, estando preservado o valor do imposto devido aos cofres públicos.

    “Após reuniões e entendimentos com os deputados estaduais, conseguimos viabilizar o Refis, que o Governo do Estado aprovou em março no Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz). O sucesso do programa é que dará condição para o pagamento. Em nome do Governo de Minas, me comprometo a fazer o possível para que todos recebam o auxílio”, ressaltou o governador.
     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]