Ipatinga

política

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Vereadores de Arcos aprovam diminuição de seus salários, do prefeito, vice e secretários

    Por Plox

    02/06/2019 01h16 - Atualizado há mais de 2 anos

    Na última semana, os vereadores da cidade de Arcos (MG) aprovaram a diminuição de seus salários, dos secretários municipais, do vice-prefeito e até do prefeito da cidade a partir de 2021. Há uma estimativa de até R$ 5 milhões de economia a cada mandato. A votação aconteceu na segunda-feira, 27 de maio.


    O projeto para a redução das remunerações teve como resultado um empate, por seis votos a seis, ou seja, teve a aprovação de seis vereadores e outros seis foram contrários. Quem deu o voto de minerva foi o próprio autor do projeto, o presidente da Câmara, Luís Henrique Sabino. O prefeito municipal, Denilson Teixeira (MDB) ainda tem que sancionar o projeto. Ele já deu a informação de que fará a aprovação.

    Luís Henrique Sabino

    Luís Henrique Sabino, presidente da Câmara e autor do projeto- Foto: CMA


    O presidente da Câmara justificou o projeto de redução dos rendimentos o fato de político não ser profissão, além deles poderem exercer outras atividades: "Os vereadores, vice-prefeito e prefeito podem ter outra atividade remunerada, político não é profissão. O salário do prefeito da cidade de Arcos está atrás de apenas outros cinco prefeitos de capitais brasileiras, um valor totalmente desproporcional ao tamanho do município". Há dois anos atrás os parlamentares votaram pela redução de 13 para nove vereadores a partir de 2020, quando haverá novas eleições.

    Atualizada às 8h42

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2022[email protected]