Taxista atropela e mata jovem após briga de trânsito em Vila Isabel

Motoboys protestam após perseguição fatal; polícia procura taxista de 51 anos.

Por Plox

01/06/2024 12h04 - Atualizado há cerca de 1 mês

 Na noite desta sexta-feira (31), em Vila Isabel, Zona Norte do Rio de Janeiro, um jovem motoboy, Alan Rodrigues Sales, de 22 anos, foi atropelado e morto após uma briga de trânsito com um taxista.

 

Foto: Reprodução/TV Globo

Perseguição e fatalidade Testemunhas relataram que Alan tentou quebrar o retrovisor do táxi durante a discussão. Em resposta, o taxista perseguiu o motoboy e o imprensou contra um poste na Rua Teodoro da Silva. Alan faleceu instantaneamente, enquanto o motorista do táxi fugiu do local.

 

Foto: Reprodução/TV Globo

Localização do veículo e fuga do suspeito O carro do taxista foi encontrado mais tarde por policiais militares do 6º BPM (Tijuca) em uma oficina do bairro. Segundo o proprietário da oficina, o taxista é funcionário do estabelecimento e usou a chave do local para guardar o veículo sem sua presença.

Busca pelo suspeito A identidade do taxista, um homem de 51 anos, foi confirmada pela Polícia Civil, que ainda aguarda que ele se apresente para prestar depoimento. Até o momento, mais de 15 horas após o incidente, o taxista não compareceu à delegacia.

Protesto dos motoboys Indignados com a morte do colega, motoqueiros realizaram um protesto em frente à oficina onde o carro do taxista foi encontrado.

Investigação e perícia A Delegacia de Homicídios da Capital realizou a perícia no local do atropelamento. O caso foi registrado como homicídio culposo.

Destaques