Ipatinga

política

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Preso pela PF, Robertinho Soares do PSL Ipatinga é solto pela Justiça

    Outros dois assessores do ministro do Turismo também foram liberados

    Por Plox

    01/07/2019 20h58 - Atualizado há cerca de 2 anos

    Roberto Silva Soares, o Robertinho, e outros dois assessores do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, foram soltos da prisão, pelo juiz Renan Chaves Carreira Machado, da 26ª Zona Eleitoral de Belo Horizonte. O três foram presos na Operação Sufrágio Ostentação, que investiga o esquema de candidaturas laranjas do PSL, em Minas Gerais.

     

    A prisão, no entanto, era temporária e válida por cinco dias, conforme informações do Tribunal Regional Eleitoral (TRE). O juiz então decidiu não renovar, determinando a soltura. Foram liberados Robertinho Soares, um dos coordenadores da campanha de Marcelo Álvaro à Câmara dos Deputados, Mateus Von Rondon, assessor especial do ministro e Haissander Souza de Paula, ex-assessor do ministro na Câmara.

     

    Foto: ReproduçãoWhatsApp Image 2019-06-27 at 08.56.57

     

    Prisão

     

    Na ocasião, a operação da PF ocorreu em  Aimorés, Ipatinga e Brasília. A ação, nomeada de Sufrágio Ostentação, cumpriu mandados de busca e apreensão e de prisão temporária.

     

    Os detidos e outros  suspeitos são investigados por terem supostamente desviado dinheiro público que foi destinado às companhas da última eleição. 

    Os suspeitos teriam “usado” quatro mulheres para forjarem candidaturas falsas , para deputada, e, assim, terem direito a verba pública. 

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]