Ipatinga

polícia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Mãe e filho são presos por suspeita de tráfico de drogas em Timóteo

    Rapaz já tem passagens pela polícia pelo mesmo crime, além de roubo e posse ilegal de arma de fogo

    Por Plox

    01/08/2021 18h21 - Atualizado há 3 meses

    Um boletim de ocorrência de tráfico de drogas foi registrado na tarde desse sábado (31), na rua Candeia, no bairro Recanto Verde, em Timóteo, Minas Gerais. Mãe e filho foram presos, suspeitos pelo crime.

    O crime ocorreu na rua Candeia, em Timóteo. Foto: Street View

     

    A Polícia Militar recebeu informações de populares, que não quiseram se identificar por temerem represálias, dizendo que um jovem de 29 anos estaria realizando o tráfico de entorpecentes no endereço citado anteriormente.

    O suspeito já é conhecido no meio policial pelo mesmo crime e, segundo a PM, durante as diversas incursões na invasão da rua Candeia, era possível notar vários usuários de drogas indo até a casa do rapaz, que autorizava as buscas na residência. 

    Nesse sábado, a denúncia era de que o suspeito, depois de ter sido preso pela última vez com armas e drogas na casa dele, estaria guardando o material ilícito na residência da mãe, que fica no mesmo lote.

    Foi realizada Operação Batida Policial e, ao visualizarem o jovem, os militares deram ordem de parada, porém, ele correu para dentro da casa de sua mãe. Ele foi alcançado e, durante busca pessoal, foram localizadas nos bolsos uma cápsula de cocaína e a quantia de R$ 122. 

    Material apreendido. Foto: divulgação/PM

     

    Já durante as buscas na residência, foram localizados embaixo do colchão da cama da mãe, no quarto para onde o filho fugiu, uma bolsa contendo um pote com 36 pedras crack, 7 cápsulas de cocaína e uma porção de maconha. 

    A mulher de 46 anos relatou que estava deitada em sua cama, quando de repente seu filho chegou no quarto correndo e jogou algum objeto embaixo do colchão. O rapaz confirmou a versão dela e disse que adquiriu a droga por R$ 300, mas não quis dizer o nome do "vendedor". 

    Em continuidade às buscas, a PM localizou dentro do guarda-roupas R$ 457. A mãe informou que o dinheiro era de sua propriedade e é relativo à venda de recicláveis. 

    No local, ainda foram apreendidos quatro celulares, supostos produtos de "penhora", ou seja, aparelhos que são deixados no local como garantia de pagamento da venda de entorpecentes ou até mesmo que já foram trocados por droga.

    O filho assumiu a propriedade de dois celulares e a mulher dos outros dois. Além de tráfico de drogas, o jovem tem passagens pela polícia por roubo e posse ilegal de arma de fogo. Sua última prisão foi no dia 12 de abril deste ano. Tanto ele quanto a sua mãe foram presos e levados à Delegacia de Polícia Civil. 
     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]