Brasil

esportes

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Com derrotas de Grêmio e Bahia, Cruzeiro se torna o campeão da ‘Super Série B’

    Time mineiro é o campeão com maior antecedência no torneio

    Por Plox

    30/09/2022 23h31 - Atualizado há mais de 1 ano

    A torcida cruzeirense nem precisou esperar a próxima rodada para soltar o grito de “é campeão!”. Com a goleada da Raposa na última quarta-feira (28) e as derrotas de Grêmio e Bahia nesta sexta-feira (30), o time mineiro é oficialmente o grande campeão desta edição da Série B.

    Sintonia entre torcida e jogadores marcaram a temporada do Cruzeiro. Foto: Staff/Images.

     

    Dentro de nove dias, o Cruzeiro não só garantiu a vaga na elite do futebol brasileiro, como assegurou o título da Segunda Divisão nacional. Após três anos de calvário, o time Belorizontino volta a fazer o seu torcedor feliz.

    A matemática 

    Para ser o campeão na 32ª rodada, o Cruzeiro precisava somar três pontos na rodada e torcer para derrota de Grêmio e Bahia. O time belorizontino fez sua parte em Campinas, quando goleou a Ponte Preta por 4x1. 

    Rafa Silva marcou dois gols na goleada sobre a Ponte Preta. Foto: Staff Images/Cruzeiro.

     

    Desde então os jogadores, torcedores, comissão técnica e funcionários passaram a “secar” os baianos e gaúchos. Às 19h, o Grêmio saiu derrotado pelo Sampaio Corrêa, deixando o “cabuloso” mais próximo da taça.

    Sampaio Corrêa se manteve vivo na briga pelo G4 e aproximou o Cruzeiro do título. Foto: Reprodução/Redes Sociais.

     

    Às 21h30, Chapecoense e Bahia iniciaram o jogo em Chapecó, em Santa Catarina. A vitória do time mandante era considerada improvável, já que o time da  Chapecoense era o pior mandante, no início da rodada.

    O Bahia abriu o placar do confronto e terminou o primeiro tempo vencendo por 1x0. Porém, no segundo tempo, o Índio Condá virou a partida e garantiu o título antecipado do Cruzeiro.

    A vitória por 3x1 da Chape garantiu o título da Série B para os mineiros. Foto: Reprodução/Redes Sociais.

     

     Com  a combinação dos resultados, o Cruzeiro se tornou o time campeão com maior antecipação na história da Série B conquistando a taça seis rodadas antes do torneio, ultrapassando o Corinthians de 2008, que subiu com quatros rodadas de antecedência. Uma rodada antes, a Raposa já tinha garantido o acesso mais rápido em uma edição da competição, subindo para a primeira divisão com sete rodadas de antecedência.

    Melhor mandante e visitante

    O Cruzeiro ainda tem três jogos para fazer no Mineirão, lugar que voltou a ser palco  de festa do time. Os comandados de Pezzolano ainda não perderam como mandante, e tem a melhor campanha como donos de casa nesta competição.

    Foram 16 partidas como mandantes, 14 vitórias conquistadas e apenas dois empates, garantindo um aproveitamento de 91.67%.

    Como visitante, o Cruzeiro também não deixa a desejar. O time mineiro soma sete vitórias, seis empates e três derrotas fora de seus domínios. A Raposa conquistou 27 pontos longe de BH e é o melhor visitante com 56.25%.

    Cruzeiro manteve mais 50% de aproveitamento  fora de seus domínios. Foto: Staff Images/Cruzeiro. 

     

    O time ainda vai disputar nove pontos fora de casa, e caso conquiste dois pontos, o time já vai garantir a melhor campanha como visitante da Série B 2022.

    Além do melhor desempenho fora e dentro de casa, o time de BH tem o melhor ataque com 48 gols marcados, 11 a mais que o Sampaio Corrêa, segundo neste quesito.

    A defesa cruzeirense não fica para trás. O time mineiro é o menos vazado com apenas 17 gols tomados em 32 partidas. Rafael Cabral, o atual número 1 celeste, é o goleiro com mais jogos sem tomar gols na Série B.

    O inferno

    No dia 8 de dezembro de 2019, o torcedor cruzeirense sofreu o maior golpe de sua história. Após a derrota para o Palmeiras em pleno Mineirão, o Cruzeiro estava rebaixado pela primeira vez.

    Porém o declínio celeste começou muito antes, foi anos de irresponsabilidade fiscal de seus dirigentes. Em 2019 veio o golpe fatal, de páginas heroicas nos cadernos de esporte do Brasil e do mundo, o time mineiro foi parar nas páginas dos cadernos policiais.

    Em matéria divulgada pelo Fantástico, foi revelado um esquema de corrupção dentro do time mineiro, que deixou o Cruzeiro fraco financeiramente. Com salários atrasados, escândalos escancarados e jogadores sem compromisso, a queda foi  inevitável.

    O calvário

    Em seu primeiro ano na Série B, o Cruzeiro começou com desvantagem a competição. Devido a irregularidades no pagamento do empréstimo do volante Denilson, a Raposa começou o torneio com seis pontos a menos.

    A crise fora de campo refletiu dentro de campo. Um elenco já com limitações, viu atrasos e mais atrasos de salário. A pandemia também atrapalhou o time mineiro,  deixando-o longe do calor do torcedor. Não deu outra, o time mineiro ficou apenas na 11ª colocação, com 49 pontos conquistados.

    Em 2021 a esperança do acesso persistia, mas a incógnita do desempenho da equipe também continuava. Em 2020, o time celeste sequer tinha conquistado uma vaga para as fases finais do Mineiro. Em 2021, com o Felipe Conceição de treinador, o Cruzeiro chegou à semifinal da competição, saindo para o América, 

    Já na Série B, mais uma decepção. O time mineiro mais uma vez não conseguiu o acesso. O time fez uma campanha ainda pior que o ano anterior e ficou apenas na 14º posição, com 48 pontos, 22 pontos atrás do campeão Botafogo e 16 pontos atrás do Avaí, último classificado para a Série A.

    O céu

    Apesar da permanência na Série B, o cruzeirense teve um motivo para comemorar o ano de 2021. No dia 18 de dezembro o torcedor recebe seu presente de natal. O menino projetado para o mundo pelo Cruzeiro, Ronaldo Luíz Nazário de Lima, também conhecido mundialmente como Ronaldo Fenômeno, anuncia a compra da SAF (Sociedade Anônima de Futebol) do Cruzeiro.

    O ano de 2022 começa com uma luz no fim do túnel para o Cruzeiro. O time anuncia praticamente um time novo e chama um treinador novo e desconhecido para comandar os atletas, o uruguaio Paulo Pezzolano, talvez a peça mais importante do Cruzeiro no ano.

    O Cruzeiro retorna à final do Campeonato Mineiro após dois anos e amarga uma dura derrota para o maior rival: 3x1 Atlético em uma final única no Mineirão.

    Apenas no dia 14 de abril Ronaldo assina oficialmente a compra da SAF. O conselho do clube precisou aprovar a venda de 90% da Associação.

    Ronaldo foi um dos principais responsáveis pelo acesso do Cruzeiro. Foto: Staff Images/Cruzeiro.

     

    Após um início difícil na Série B e a perda de Vitor Roque, uma jovem promessa que renderia dentro e fora de campo, o Cruzeiro de Papa Pezzolano se reencontra no campeonato.

    Após assumir a liderança, o Cruzeiro não saiu mais. Desde a 6ª rodada a equipe mineira lidera o campeonato nacional. A discrepância para os demais ficou tão grande, que ao término desta rodada o Cruzeiro somou 18 pontos de diferença para o Grêmio, segundo colocado.

    Pela Copa do Brasil, o time voltou a disputar as oitavas de final, após ser eliminado precocemente em 2020 e 2021. O time mineiro saiu para o Fluminense com um placar agregado de 4x1, mas que deixou claro a potencialidade do  time celeste.

    O Cruzeiro retorna em grande  estilo para à Série A. Foto: Staff Images/Cruzeiro.

     

    No dia 30 de setembro o Cruzeiro se sagrou campeão da Série B, nove dias após garantir o acesso antecipado para a elite do futebol mineiro. Uma parcela de BH e de Minas volta a sorrir e vive a esperança que em 2023 as coisas continuarão como estão.

    Presente para o ídolo

    O maior ídolo da história recente do Cruzeiro e uma das maiores referências da história, o goleiro Fábio celebra no dia 30 de setembro, 42 anos de vida. E torcedor do Cruzeiro como é, recebeu como presente nesta data, o título do time que defendeu por  976 jogos.

    Durante a sexta-feira (30), o time mineiro parabenizou o arqueiro e o definiu como “um dos maiores goleiros” da história do clube. No dia 21, o goleiro parabenizou o Cruzeiro pelo acesso antecipado. “ Parabéns Cruzeiro! Sua história é grandiosa, de volta à Série A”, escreveu Fábio em suas redes sociais.


     


     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2024[email protected]