Ipatinga

política

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Vereador e diretor da Câmara de Itabira são presos

    Segundo delegado, os dois são suspeitos de esquema parecido com a "operação Dolos", que aconteceu em Ipatinga

    Por Plox

    02/07/2019 16h41 - Atualizado há mais de 2 anos

    Foram presos nesta terça-feira (2), pela Polícia Civil (PC), o vereador Weverton Júlio de Freitas Limões, mais conhecido como "Nenzinho" (PMN), e o diretor administrativo da Câmara Municipal de Itabira, Pr. Ailton Moraes. Segundo a PC, existe uma investigação, que apura um suposto esquema de devolução de parte do salários de assessores, enquadrando o mesmo tipo de crime investigado na Operação Dolus, em Ipatinga.


    Segundo o delegado da Polícia Civil Helton Cota, responsável pelo caso, os vereador e o diretor administrativo da Câmara de Itabira, são suspeitos de envolvimento em um esquema, onde funcionários eram obrigados a devolver parte dos salários. “Eles cobravam grande parte do salários de alguns servidores de volta e condicionavam essa devolução para que eles continuassem no emprego”, informou o delegado.

    O delegado afirmou ainda que não há indícios de que outros vereadores estejam envolvidos. “Vamos dar prosseguimento ao inquérito e, se surgir novas informações, outros vereadores poderão ser investigados. ", disse o delegado.

    Foto: Divulgação / Polícia Civil

    hkhjk

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2022[email protected]