Brasil

economia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Banco central pode dar início a redução na selic após três anos

    axa Selic, em 13,75% ao ano, deve ter primeiro corte em três anos

    Por Plox

    02/08/2023 07h16 - Atualizado há 7 meses

    Hoje, a economia brasileira pode entrar em uma fase de mudança significativa, já que se espera que o Banco Central (BC) inicie um ciclo de redução na taxa básica de juros, conhecida como Selic, que tem se mantido no seu nível mais alto dos últimos seis anos. Esta possível redução seria a primeira em três anos e ocorre em meio a um cenário de divergência no mercado financeiro sobre a intensidade deste corte.

     

    Marcelo Casal Agência Brasil

    A Selic está paralisada em um pico de seis anos desde agosto de 2022. Os especialistas de mercado antecipam uma provável queda, cujo anúncio deverá ser feito após a reunião dos diretores do BC no segundo dia de encontro. Contudo, a profundidade dessa redução não é um consenso unânime.

    O Boletim Focus, uma publicação que congrega as expectativas dos principais agentes financeiros do país, sugere uma redução de 0,25 ponto percentual na Selic. Paralelamente, há uma crescente suposição de que a redução poderia chegar a 0,5 ponto percentual, uma ideia que vem ganhando força à medida que a inflação mostra sinais de desaceleração.

    Antes de formalizar a decisão, que deve ser anunciada após as 18h, o Comitê de Política Monetária (Copom) irá explorar os futuros cenários econômicos. Esta análise será conduzida pelo presidente do BC, Roberto Oliveira Campos, juntamente com os oito diretores da autoridade monetária. Este grupo examinará a progressão econômica, as perspectivas futuras e o comportamento atual do mercado financeiro.

    Na última reunião, em que a Selic foi mantida em 13,75% ao ano pela sétima vez consecutiva, o Copom pela primeira vez admitiu a possibilidade de uma redução da taxa de juros. Segundo um documento do comitê, o processo de desinflação em curso poderia permitir o início de um processo gradual de mudança na próxima reunião.

    Os analistas do mercado financeiro preveem que após essa primeira queda, a Selic sofrerá mais três reduções de 0,5 ponto percentual em setembro, novembro e dezembro. Caso estas previsões se confirmem, a taxa Selic estaria em 12% ao início de 2024. Estima-se ainda que essa tendência de queda persista ao longo dos anos seguintes, com a Selic atingindo 9,25% em 2024, 8,75% em 2025 e 8,5% em 2026.

    A Selic é o juro base da economia e funciona como um referencial para outras taxas de juros no mercado. Ela é empregada em empréstimos interbancários e investimentos em títulos públicos federais, sendo um dos principais instrumentos do BC para o controle da inflação.

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2024[email protected]