Ipatinga

polícia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Maconha 100 vezes mais forte é enviada via Sedex para presídio de Minas

    Droga, chamada de K4, estava escondida em pacotes que seriam entregues a três presos da penitenciária

    Por Plox

    02/09/2021 23h31 - Atualizado há cerca de 2 meses

    Um tipo de maconha sintética, com efeito quase 100 vezes mais forte do que a tradicional, foi apreendida por agentes de segurança pública na Penitenciária de Uberlândia I, no Triângulo Mineiro, nessa terça-feira (31). Ao todo, foram 647 frações da K4, que foram deixadas no local via Sedex.

    De acordo com a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), as drogas estavam escondidas em três pacotes diferentes, que eram endereçados a três presos. O material, no entanto, foi vistoriado antes de ir para os detentos.

    Material ilícito estava em pacotes enviados pelos Correios. Foto: divulgação/ Sejusp

     

    "Em um deles, havia 500 frações na parte interna de uma escova de lavar roupa, em outros dois havia 72 porções e mais 75, dentro de frascos de dipirona", explicou a pasta.

    A Sejusp também informou que suspendeu a permissão para que as pessoas que enviaram o material visitem a penitenciária. Além disso, os destinatários da droga também poderão sofrer sanções disciplinares. A pasta não explicou quais seriam elas.

    Por fim, o governo de Minas declarou que o material apreendido foi encaminhado para a Polícia Civil, para que o caso seja investigado. Um inquérito foi instaurado na Delegacia de Polícia Civil Antidrogas de Uberlândia. Ninguém foi preso até o momento.

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]