Brasil

esportes

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Joana Sanz volta a residir em Barcelona e mantém casamento com Daniel Alves

    Ex-jogador da seleção brasileira aguarda julgamento por acusação de agressão sexual

    Por Plox

    02/10/2023 20h39 - Atualizado há 5 meses

    Joana Sanz, esposa de Daniel Alves, optou por continuar seu casamento com o ex-jogador da seleção brasileira, mesmo com ele estando preso devido a um caso de agressão sexual. As informações vieram do programa TardeAR, do Telecinco. Joana, que havia se mudado para Madri desde o início do processo, decidiu voltar a morar na casa do casal em Barcelona.

    No início deste ano, a modelo chegou a anunciar o fim de seu relacionamento com Alves. Entretanto, ela mudou de ideia semanas depois, explicando que "não queria deixar o marido de lado nessa situação tão difícil", conforme apontou o referido programa de televisão. Segundo veículos da imprensa espanhola, Daniel Alves tem enviado cartas para Joana Sanz duas vezes por mês.

     

     

     

    Foto:(Josep Lago/AFP/Divulgação)

    Próximos passos para Daniel Alves

    Daniel Alves, detido desde janeiro na Espanha, está prestes a ser julgado pelo crime em questão. As investigações foram encerradas em agosto e a defesa do atleta decidiu não recorrer a novas alegações, objetivando acelerar o julgamento.

    Em comunicado enviado ao Estadão, foi afirmado que "Dani Alves tem se mostrado insatisfeito com o relato dos fatos contidos na decisão judicial, que não condizem com a realidade do ocorrido". Porém, Alves também declarou que não recorrerá à decisão para agilizar seu julgamento.

    A legislação espanhola determina que, se condenado, o ex-jogador poderá ser sentenciado a até 15 anos de prisão. A prisão de Alves é mantida até a conclusão do julgamento.

     

    Entenda o caso

    O incidente foi inicialmente divulgado pela imprensa espanhola no ano passado, quando o diário ABC alegou que Daniel Alves teria cometido agressão sexual em uma boate em 30 de dezembro. No dia 10 de janeiro, a Justiça espanhola iniciou uma investigação sobre o jogador, que defendeu o Barcelona por muitos anos. Inconsistências em seus depoimentos e o risco potencial de fuga resultaram em sua detenção em 20 de janeiro. O Juizado de Instrução 15 de Barcelona é responsável pela investigação e aponta contradições nos depoimentos de Alves sobre os eventos daquela noite.

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2024[email protected]