Ipatinga

polícia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Dupla armada invade estabelecimento comercial e rouba dinheiro e bens do proprietário em Ipatinga

    Dono do estabelecimento estranhou que os assaltantes foram direto em sua direção e pediram o dinheiro que ele havia acabado de guadar

    Por Plox

    02/11/2021 13h42 - Atualizado há 28 dias

    Dois indivíduos, sendo um deles armado com uma arma de fogo, invadiram um estabelecimento comercial no bairro Bethânia, em Ipatinga-MG, e roubaram o proprietário do local no início da noite dessa segunda-feira (1). A dupla levou uma quantia em dinheiro, um cordão e uma pulseira de ouro.

    Os policiais foram acionados, por volta de 18h43, para atender uma ocorrência de roubo a uma loja de material de construção na avenida Alberto Giovannini. Ao chegarem no local, o responsável pelo depósito, de 22 anos, relatou que dois indivíduos entraram pelo portão dos fundos da loja, onde da acesso à rua Noventa e Dois, sendo que um deles trajando jaqueta cinza claro, boné preto, com uma mochila bege nas costas, calça jeans e chinelo, foi em sua direção, apontou um revólver e gritou: quero o dinheiro, quero o dinheiro.

    O autor já foi logo pegando um valor que a vítima tinha guardado na parte da frente da calça. Logo após, retirou-lhe um cordão e uma pulseira de ouro. Em seguida o indivíduo fugiu com comparsa que trajava jaqueta preta, calça azul e tênis, tomando rumo a direita e não sendo mais vistos.

    No local haviam outros funcionários, mas o autor foi direto a vítima, exigindo um montante específico que ela tinha guardado a pouco tempo. O que levantou suspeitas. Diante dos fatos, foram realizados algumas averiguações de funcionários que poderiam ter visualizado o momento da guarda do dinheiro para ver se ajudava a identificação dos autores.

    O proprietário do estabelecimento indicou três funcionários que poderiam ter vistos o momento em que ele guardou o dinheiro, sendo duas mulheres e um jovem. O funcionário do depósito, de 18 anos, já estava em casa, mas voltou na empresa para prestar esclarecimentos. Ele confirmou ter visto o rapaz guardar o dinheiro na calça, mas afirmou não ter feito nada, inclusive entregou seu aparelho celular para verificações quanto a contato com terceiros.

    Foi verificado uma filmagem que fica nos fundos da loja, em outra residência, na qual mostra realmente dois indivíduos, nas características repassadas pela vítima, entrando um primeiramente, logo após o outro e em pouco tempo saem os dois correndo sentido à direita da via, não sendo mais vistos na filmagem. As características apontadas, indicam um suspeito de 22 anos, o qual é contumaz na prática desse crime.
     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]