Santana do Paraíso promove capacitação para recuperar nascentes

03/05/2019 08:14

O curso teve início na quinta e encerra no sábado, dia 4

Publicidade

Com o objetivo de capacitar para a prestação de serviços ambientais de proteção de nascentes, a Prefeitura de Santana do Paraíso-MG, por meio de uma parceria com EMATER, Produtor Rural e SENAR – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural está realizando o curso: “Recuperação e Proteção de Nascentes”, do dia 2 a 4 de maio, na fazenda do senhor Rodrigo, zona rural de Santana do Paraíso.

Serão três dias de aprendizado incluindo aulas teóricas e práticas culminando com realização da proteção de mais uma nascente do município de Santana do Paraíso.

Esta proteção tem como princípio impedir o assoreamento da nascente e também prevenir a contaminação da água por meio de fezes e urinas de animais, visto que a água desta nascente serve como fonte de abastecimento para consumo humano e animal dos moradores que fazem captação diretamente da nascente.

santana]
(Foto: Assessoria da Prefeitura de Santana do Paraíso)

Dentre os participantes deste curso estão: servidores públicos de Santana do Paraíso, produtores rurais, estudantes universitários e prestadores de serviços ambientais do município.      

Durante o período, serão apresentados conceitos ligados a proteção do solo e conceitos referentes à preservação das áreas de recargas hídricas, que são aquelas áreas que fazem o serviço de recarga hídrica dos mananciais subterrâneos – Também conhecidos como lençóis freáticos. 

Segundo Sandra Pereira, diretora do Departamento de Meio Ambiente de Santana do Paraíso “no decorrer de muitos anos, estas áreas vêm sofrendo fortemente com as intervenções que nós humanos realizamos. Como resultado destas intervenções, que muitas das vezes irregulares e passíveis de multas, temos: a diminuição ou extinção da vazão da nascente. Este é um fato que pode causar uma grande e diferenciada lista de consequências para as pessoas e animais que dependem das águas provenientes das nascentes para seu sustento e subsistência”.



Publicidade