Ipatinga

polícia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Quatro pessoas são detidas suspeitas de furtar Nióbio e Molibdênio na área da Usiminas

    A carga seria levada para o estado de São Paulo

    Por Plox

    03/06/2019 14h32 - Atualizado há mais de 2 anos

    Quatro pessoas foram detidas suspeitas de furtar carga de Nióbio e Molibdênio - produtos minerais que são utilizados para fabricar aço - no Contorno Rodoviário, nesse domingo (2). De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, um veículo, Fiat Siena, que transportava os materiais, foi abordado na BR-381. Aos militares, o condutor,P.H dos R.M., de 26 anos, alegou que pegou a carga em um posto de combustíveis e que seria entregue para um caminhoneiro, que seguia sentido a capital mineira.

    Conforme os militares,  I.N.E, de 18 anos e T.N.E., de 16, confirmaram a versão do motorista, porém, disseram que não sabia que tipo de produto era transportado no porta-malas do carro e não receberiam pelo serviço. Já o caminhoneiro, A.P.D., de 34 anos, foi abordado e contou à polícia que pegaria todo o produto e o levaria até ao estado de São Paulo. Portanto, a carga não chegou a ser colocada no caminhão porque a equipe abordou o veículo menor, antes, e o condutor do veículo maior tentou fugir pela rodovia.

    rodovia-1O material estava sendo transportado no porta-malas de um carro (Foto: divulgação/ Polícia Militar)

    Segundo a polícia, por ser um material raro, o transporte da carga levantou suspeita; foi realizado o contato com seguranças da Usiminas, especificamente, com um técnico da empresa, que confirmou que os produtos são usados pela companhia  - que pertencem à empresa. O caminhoneiro carregava uma “bobina de aço” da Usiminas com destino a mesma companhia, que fica em São Paulo. 

    rodoviaO caminhoneiro foi abordado antes de receber a carga (Foto: divulgação/ Polícia Militar)

    De acordo com a corporação, a perícia foi acionada ao local para a realização do trabalho de praxe e, em seguida, foi feito o contato com um delegado de Polícia Civil, que autorizou a remoção dos materiais; toda a carga pesava cerca de 220 quilos. Os veículos envolvidos foram removidos ao pátio credenciado pelo Detran e os suspeitos encaminhados à Delegacia de Polícia Civil.

    Sem-Título-6Os produtos seriam levados para São Paulo (Foto: divulgação/ Polícia Militar)

    rodoviaria(Foto: divulgação/ Polícia Militar)

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]