Ipatinga

mundo

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Polícia trata morte de príncipe Khalid como 'sem explicação'

    Khalid Al Qasimi era filho de um dos xeiques dos Emirados Árabes Unidos

    Por Plox

    03/07/2019 14h15 - Atualizado há quase 3 anos

    O príncipe e estilista Khalid Al Qasimi, 39 anos, foi encontrado morto em uma residência, na última segunda-feira, 1º de julho. Ele era filho de um dos xeiques dos Emirados Árabes Unidos e morava em Londres.

    Fotógrafo lamentou, no Instagram, a morte de Khalid. — Foto: Reprodução/Instagram

    A morte de Khalid é tratada até o momento como "sem explicação"- Foto: Reprodução/Instagram

    Ainda não há detalhes sobre as circunstâncias da morte, exames devem atestar as causas e a polícia trata o caso como 'sem explicação', segundo a BBC. O pai de Khalid, o xeique Sultan bin Muhammad Al Qasimi, disse em sua rede social que o filho está “sob os cuidados de Deus” e decretou três dias de luto em Sharjah. Khalid cresceu no Reino Unido, mas é nascido nos Emirados Árabes. “É com grande tristeza que informamos que Khalid Al Qasimi faleceu de forma inesperada no dia 1º de julho. O mundo do design perdeu um grande filósofo e artista", informava uma nota no site da marca de roupas do estilista, Qasimi. No comunicado, Khalid foi enaltecido pela marca, o descrevendo como “sensível exploração de questões sociopolíticas”, principalmente em relação ao Oriente Médio.

    A informação do falecimento do estilista mexeu com muita gente do meio da moda, inclusive do fotógrafo de moda Mariano Vivanco, que descreveu o amigo como seu "anjo". Khalid tinha formação em Arquitetura e Design de Moda pela Central Saint Martins, em Londres.

    Atualizada às 12h53

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2022[email protected]