Ipatinga

polícia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Jovem é atingido por “bala perdida” na região do Vale do Aço

    Vítima disse que estava saindo de casa, ouvi um tiro e viu que estava sangrando

    Por Plox

    04/04/2022 13h05 - Atualizado há 25 dias

    Um jovem de 23 anos foi baleado na rua Dom Cavati, no bairro Nossa Senhora das Graças, em Ipaba, na região do Vale do Aço, Minas Gerais. O jovem, provavelmente atingido por uma “bala perdida", foi encaminhado ao Hospital Márcio Cunha, em Ipatinga.

    O crime ocorreu na noite do último sábado (2). A Polícia Militar esteve no local e, ao chegarem, foram informados que uma vítima que teria sido alvejada e já havia sido socorrida, porém, nenhum dos populares soube informar aos militares sobre os fatos.

    Conforme os policiais, na esquina da rua Dom Cavati com Rua Izaú Viana eles se depararam com uma testemunha e, durante a abordagem, se aproximou uma adolescente. A menor deixou escapar que o autor do crime seria indivíduo morador da localidade conhecido como "Coapa", indivíduo já conhecido no meio policial.

    Outras testemunhas relataram que ouviram cerca de cinco a seis disparos de arma de fogo e que a vítima seria um jovem, de 23 anos, morador da avenida do contorno, próximo ao bar do "Zé Maria". As testemunhas apenas afirmaram que o jovem foi levado para o Hospital Márcio Cunha (HMC), em Ipatinga.

    Uma equipe da PM em Ipatinga esteve no HMC e, em contato com a vítima, ele disse que estava a caminho da casa de sua sogra, quando ouviu um estampido semelhante a disparo de arma de fogo. Nesse momento sentiu um impacto no peito e percebeu que sua região do tórax estava sangrando. Em seguida pediu ajuda para um amigo que o socorreu.

    A vítima ainda afirmou que não viu ninguém e que suspeita ter sido atingida por uma “bala perdida”, pois não tem inimizades com ninguém. O jovem não tem passagem por nenhum crime.

    Em continuidade as diligências, os policiais foram até a residência do suspeito do crime, porém, ninguém foi localizado. No momento em que os policiais saiam do local, a irmã do suspeito apareceu e relatou não saber do paradeiro dele. Ela inclusive tentou contato telefônico, porém,  não conseguiu.

    Ainda durante as diligências, os policiais foram informados que o motivo dos disparos seria uma disputa por “ponto de tráfico” de drogas por terceiros. As câmeras do sistema olho vivo flagraram dois indivíduos, que seriam parceiros do suspeito dos tiros, fugindo do local. Seguem os trabalhos para localizar o acusado.
     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2022[email protected]