Ipatinga

polícia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Dono de bar é mantido amarrado em banheiro e agredido durante assalto em Ipatinga

    Após negociação, os indivíduos foram abordados e resistiram a prisão

    Por Plox

    04/07/2021 18h53 - Atualizado há 4 meses

    No início da manhã deste domingo (4), um homem de 45 anos, proprietário de um bar, na avenida José Anatólio Barbosa, no bairro Limoeiro, em Ipatinga-MG, foi vítima de assalto e ainda foi posto em cárcere privado. Ele foi agredido e amarrado pelos indivíduos que estavam armados com um simulacro e uma garrucha.

    Segundo informações da Polícia Militar (PM), a dupla estava encapuzada no interior do estabelecimento. Os militares foram acionados através de denúncias de que os assaltantes se diziam policiais civis e ordenaram que todos ficassem no chão.

    Com a chegada da viatura, foi realmente constatado que os referidos frequentadores estavam deitados no chão do bar. No momento em que os indivíduos avistaram a viatura, eles fecharam as portas do estabelecimento e tentaram se esconder na parte de trás. O dono do bar foi rendido e levado para os fundos do estabelecimento, onde tentaram esconder o simulacro e a garrucha. 

    Os militares se abrigaram e fizeram contato visual com os autores e começaram a negociar com os mesmos. Um deles, de 24 anos, acatou a ordem dos militares e saiu do estabelecimento. O segundo, de 21 anos, não obedeceu a ordem e entrou no banheiro com a vítima e o agrediu ainda mais, conforme relatos do homem. Ainda segundo o dono do bar, os autores o amarraram e o também o amordaçaram. A todo momento o criminoso dizia que iria matá-lo.

    No primeiro momento, o jovem que foi cooperativo e acatou as ordens, se aproveitou que os militares tiveram que se juntar para imobilizar o segundo indivíduo e evadiu a pé, mesmo estando algemado, sendo este perseguido, alcançado, imobilizado e conduzido. 

    De acordo com a vítima, foi levado um celular Samsung, fundo dourado, e uma quantia de cerca de R$ 1.900,00.  Diante dos fatos, foi realizada a busca pessoal nos autores do lado de fora do estabelecimento comercial, sendo encontrado com um deles a quantia de R$ 1.932,00 em seu bolso de sua blusa de frio e o celular da vítima. Com o segundo foram encontrados R$ 50,00 escondidos em sua boca.

    Segundo a PM, foi dada voz de prisão aos indivíduos e ambos resistiram a prisão de forma ativa, tentando evadir do local. Foi necessário conter os indivíduos e utilizar as técnicas policiais para evitar a fuga. Ambos receberam atendimento médico da UPA e depois foram encaminhados à delegacia.


     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]