Ipatinga: homem recebe "carinho" nas partes íntimas, pensa ser a esposa e se depara com amigo

Fato foi registrado após as partes se dirigirem para uma casa após um casamento

Por Plox

04/10/2023 07h12 - Atualizado há 8 meses

Uma festa de casamento em Ipatinga, no Vale do Aço, Minas Gerais, culminou em um desentendimento entre dois homens após alegações de importunação sexual.

Um homem de 36 anos afirmou à Polícia Militar (PM) ter sido tocado de forma inapropriada por um conhecido, de 33 anos, enquanto dormia no sofá de uma residência, após o término das celebrações. Ambos estavam entre os convidados que decidiram passar a noite na casa de outro amigo.

Foto: reprodução Pexels

 

De acordo com o boletim de ocorrência, o homem de 36 anos relatou que estava adormecido quando sentiu um toque inadequado em sua genitália, pensando inicialmente que se tratava de sua esposa. No entanto, ao despertar, constatou que o autor da ação era o homem de 33 anos.

O incidente causou um confronto físico entre os dois, resultando em briga e vestimentas danificadas. O acusado, logo após o ocorrido, deixou a residência acompanhado de uma amiga, buscando refúgio em um hotel próximo.

Após registrar o testemunho da vítima e de outras pessoas presentes, a Polícia Militar dirigiu-se ao hotel, onde deteve o suspeito. Durante o depoimento, o homem de 33 anos afirmou que sua aproximação foi motivada por comentários de terceiros sobre a orientação sexual da vítima.

 

Destaques