Brasileiro é preso acusado de matar o cabeleireiro de CR7

04/11/2019 15:29

Além de ser cabeleireiro de Cristiano Ronaldo, Ricardo Marques atendia outras celebridades portuguesa

Publicidade

Na última sexta-feira (1), um Brasileiro foi preso em Zurique, na Suíça, suspeito de matar a facadas o cabeleireiro Ricardo Marques Ferreira, de 49 anos.

Ricardo, que tinha como seu principal cliente o português Cristiano Ronaldo, foi encontrado morto dentro do quarto de um hotel.

Segundo o Diário de Notícias da Madeira, o suspeito pelo crime é um brasileiro, de 39 anos, que foi preso pela polícia suíça.

cabeleireiroFoto: reprodução/Instagram

As autoridades informaram que, quem encontrou o corpo do cabeleireiro foi a camareira do hotel, e que ele estava coberto de sangue e com vários golpes de faca.

Ainda segundo a publicação, os familiares do cabeleireiro disse que estaria tudo bem com o cabeleireiro no dia anterior ao crime. "Parecia estar tudo normal".

Além de ser cabeleireiro de Cristiano Ronaldo, Ricardo Marques atendia outras celebridades portuguesas.

Ricardo era divorciado e vivia na Suíça há dois anos. Ele deixa dois filhos maiores de idade, um rapaz e uma moça.
 



Publicidade