Ipatinga

polícia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Delegado de Polícia Civil é condenado por abuso de autoridade em Ipatinga

    Ministério Público denunciou o delegado alegando que com o auxílio de outros dois policiais, ele executou medida privativa de liberdade contra um homem sem as formalidades legais e com abuso de poder

    Por Plox

    04/11/2021 22h43 - Atualizado há 24 dias

    A pedido do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), a Justiça condenou um delegado de Polícia Civil de Ipatinga, no Vale do Aço, à pena de pagamento de 10 dias-multa, em virtude de o agente ter cometido o crime de abuso de autoridade. Segundo a denúncia, em 2016, com o auxílio de outros dois policiais, ele executou medida privativa de liberdade contra um homem sem as formalidades legais e com abuso de poder.

    O MPMG aponta que eles se dirigiram ao estabelecimento comercial da vítima e realizaram apreensão de mercadoria, sob o argumento de que o material seria produto do crime, mesmo com a apresentação de nota fiscal relativa à compra do produto. Em seguida, segundo a denúncia, os agentes conduziram o homem até uma delegacia de polícia, onde a vítima foi mantida sob custódia, de forma irregular, por cerca de oito horas.

    Ao condenar o delegado, a Justiça considerou que os fatos ficaram comprovados, especialmente a partir do depoimento de testemunhas. Os outros dois agentes tiveram a punibilidade extinta devido à prescrição. 

    Não foi informado à imprensa o nome do delegado.

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]