Dezembro laranja alerta para aumento do câncer de pele no verão

Exposição solar intensa no verão eleva riscos de câncer de pele, alerta o Inca

Por Plox

04/12/2023 08h07 - Atualizado há 7 meses

Com a chegada do verão, aumenta a preocupação com o câncer de pele, o tipo mais comum no Brasil. A campanha Dezembro Laranja, apoiada pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca), enfatiza a importância da proteção contra os raios ultravioletas (UV), principais causadores deste tipo de neoplasia. O Inca ressalta que o câncer de pele corresponde a 30% de todos os diagnósticos de câncer no país.

Tipos e Sinais do Câncer de Pele O câncer de pele divide-se em melanoma e não melanoma. O melanoma, embora raro (4% dos casos), é o mais grave devido ao alto risco de metástase. Pode surgir em qualquer parte do corpo e manifesta-se como manchas, pintas ou sinais. O não melanoma, mais comum e menos grave, frequentemente aparece nas áreas mais expostas ao sol, principalmente em pessoas acima dos 40 anos. Sinais como manchas que coçam, ardem, descamam ou feridas que não cicatrizam são indicativos para consulta médica.

Fatores de Risco e Prevenção Os principais fatores de risco incluem a exposição prolongada ao sol, especialmente durante a infância e adolescência, pele e olhos claros, uso de câmeras de bronzeamento artificial e histórico familiar de câncer de pele. A prevenção é baseada principalmente na proteção solar, que inclui o uso de protetores solares, chapéus, camisetas, óculos escuros e evitar a exposição solar entre 10h e 16h. Exames dermatológicos regulares também são recomendados.

Tratamentos e Mitos sobre o Câncer de Pele O tratamento varia de acordo com o estágio da doença, podendo incluir cirurgia, radioterapia e quimioterapia. Além disso, é essencial desmistificar conceitos errôneos sobre o câncer de pele. Por exemplo, a crença de que protetor solar não é necessário em dias nublados ou na sombra é um mito. Os raios UV atravessam as nuvens e se refletem nas superfícies, atingindo a pele mesmo em condições de sombra.

Destaques