Ipatinga

polícia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    “Prefiro que ela faça as coisas em casa do que na rua”, diz mãe presa por aceitar estupro da filha de 13 anos

    Namorado da adolescente, de 18 anos, também foi preso pela Polícia Militar

    Por Plox

    05/01/2022 14h08 - Atualizado há 7 meses

    Uma mulher e o genro, de 18 anos, foram presos na segunda-feira (3) acusados de estupro de vulnerável. “Prefiro que ela faça as coisas em casa do que na rua”, disse a mãe que permite relações da filha com o jovem. De acordo com o Código Penal, mesmo com o consentimento, praticar sexo com menores de 14 anos é considerado estupro de vulnerável.

    A Polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência de aglomeração de pessoas em uma  residência. Ao chegar no local, os policiais viram o casal e perguntaram a mãe se ela sabia sobre o namoro da filha. Pouco tempo depois ela confirmou o consentimento.

    Sob a alegação do crime, a mãe da adolescente e o namorado foram conduzidos à delegacia, onde foram ouvidos. O Conselho Tutelar de Planura, no Triângulo Mineiro,  acompanhou a ocorrência.

    Conforme está descrito no artigo 217-A do Código Penal, é caracterizado estupro de vulnerável quando o autor tem conjunção carnal ou pratique qualquer ato libidinoso com pessoa menor de 14 anos. A pena varia de 8 a 15 anos de reclusão.
     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2022[email protected]