Ipatinga

educação

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Diretores das escolas da rede pública e particular de Timóteo recebem capacitação

    Segundo a Prefeitura, por conta da pandemia de Covid-19, as escolas da rede pública e particular de Timóteo terão que se adaptar ao novo normal

    Por Plox

    05/02/2021 10h54 - Atualizado há 9 meses

    Diretores das escolas da rede pública e particular de Timóteo receberam capacitação nessa quinta-feira (04), no auditório da Prefeitura, com orientações quanto a preparação do ambiente escolar e das medidas preventivas contra o coronavírus para o retorno presencial das aulas, que acontecerá no próximo dia 22/02.
    O treinamento envolveu profissionais dos setores de Vigilância Sanitária, Fiscalização e Medicina de Segurança e Trabalho e teve como foco, o cumprimento dos protocolos sanitários baseado no Plano de Retomada Gradativa das Aulas Presenciais elaborado pela Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer.

     

    Foto: divulgação/PMT


    As orientações seguiram o Decreto nº 5.389 de 25 de janeiro de 2021, cujas medidas prevêem restrição de aglomerações nas dependências das unidades de trabalho, de utilização obrigatória de máscaras individuais e não compartilháveis, de manutenção do distanciamento mínimo de 1,5 metros, de adoção de mecanismos de profilaxia, assepsia, sanitários e disseminação de informações atualizadas em relação à prevenção da Covid-19. 
    A decisão de retomar às aulas de forma semipresencial, com rodízio de alunos sendo, 50% na escola e 50% de forma remota (em casa com blocos de atividades e via internet) foi acordada pelo Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus de Timóteo.
    O prefeito Douglas Willkys chamou a atenção para a importância do retorno gradativo às aulas como forma de reduzir as desigualdades sociais. “A pandemia impôs maior uso das tecnologias digitais, ferramenta pouco disponível a um grande número de alunos. A volta às aulas pressupõe maior esforço da administração por melhores condições de segurança para preservar a saúde dos alunos e dos profissionais da educação”, frisou.

     

    Foto: divulgação/PMT

     

    O secretário de Educação, José Vespasiano Cassemiro, ressaltou que as escolas terão uma missão relevante na orientação dos alunos nas questões relacionadas à proteção contra o coronavírus. “As escolas terão papel fundamental no treinamento das crianças sobre o uso e manuseio das máscaras e higienização das mãos.  Nas primeiras semanas após o retorno às atividades presenciais, este tema deverá ser exaustivamente abordado em sala de aula, sempre de forma lúdica e respeitando a linguagem e a capacidade de compreensão de cada faixa etária”, completou o secretário.

    Para retomada das atividades com segurança, as escolas irão disponibilizar: máscaras, termômetro e dispensers de sabonete líquido e álcool 70% para cada unidade (administrativa e de ensino). As escolas deverão garantir: aferição da temperatura de servidores, estudantes e colaboradores na entrada da instituição; limpeza periódica em locais utilizados com maior fluxo de pessoas; limpeza intensiva de banheiros e salas de aula. É recomendado manter os ambientes sempre arejados com ventilação natural e ainda, a interdição dos bebedouros das escolas com sugestão de uso de garrafas individuais. Entre outras medidas, o recreio deverá ser controlado a fim de evitar aglomerações podendo ser realizado dentro de sala de aula, com menor tempo de duração.
     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]