Ipatinga

mundo

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    EUA anunciam 35 mil novos vistos temporários a estrangeiros

    Medida busca mitigar a forte escassez de mão de obra que atinge o país

    Por Plox

    05/04/2022 18h32 - Atualizado há 4 meses

    A escassez de mão de obra no mercado de trabalho americano continua sendo um grande problema para o governo dos Estados Unidos. O Departamento do Trabalho e o Departamento de Segurança Interna do país anunciaram a disponibilização de 35 mil vistos H-2B adicionais para trabalhadores estrangeiros. Com isso, empresas não agrícolas que estejam precisando de mão de obra, seja por questões sazonais ou por picos de demanda, poderão contar com este acréscimo de contingente na força de trabalho dos EUA.

    “Os vistos vão ajudar as empresas americanas a expandir caminhos legais para trabalhadores estrangeiros que buscam vir para os Estados Unidos”, declarou o secretário de Segurança Interna do país, Alejandro Mayorkas, em comunicado.

    Esta é a segunda vez, em pouco mais de dois meses, que o governo americano teve de estender o limite legal de 66 mil vistos H-2B concedidos por ano. Em 27 de janeiro, 20 mil vistos extras haviam sido disponibilizados para imigrantes. Com as 35 mil novas autorizações de agora, os Estados Unidos estão praticamente dobrando o limite anual de H-2B estipulado pelo Congresso. Ao todo, já são 120 mil vistos H-2B para o ano fiscal de 2022.

    “A situação nos Estados Unidos é realmente preocupante. Com uma taxa de desemprego baixíssima, em apenas 3,6%, o país não consegue encontrar mão de obra no mesmo ritmo de seu crescimento econômico. Já são mais de 11 milhões de vagas abertas, quase duas para cada pessoa desempregada. O jeito é aumentar a participação de certas faixas etárias na força de trabalho americana, o que leva tempo, ou facilitar a contratação de imigrantes por meio de medidas como a autorização suplementar de vistos H-2B”, analisa Rodrigo Costa, CEO da AG Immigration, escritório de advocacia especializado em levar trabalhadores para os EUA.

    Desta nova suplementação de H-2B, 13,5 mil são destinados para trabalhadores que já receberam o visto anteriormente nos últimos três anos – e que agora poderão retornar aos EUA para realizar trabalhos variados. Os outros 11,5 mil vistos são para cidadãos do Haiti, El Salvador, Guatemala e Honduras, que não necessariamente precisam já ter recebido o H-2B ou algum outro tipo de visto anteriormente.

    O visto H-2B

    O visto H-2B permite que empregadores americanos contratem estrangeiros de cerca de 80 países (incluindo o Brasil) para a realização de trabalho não agrícola de natureza temporária nos quais não há mão de obra americana disponível, geralmente para atender carências sazonais, necessidades extraordinárias e intermitentes ou picos de demanda.

    O imigrante – que não precisa ter qualificação acadêmica – pode ficar, no máximo, três anos nos EUA com o visto H-2B, precisando sair após este período e permanecer, no mínimo, três meses consecutivos fora do país para retornar sob o mesmo status.

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2022[email protected]