Ipatinga

polícia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Indivíduo se passa por prestador de serviço, entra em residência e mata homem em MG

    Segundo informações de testemunhas à PM, o indivíduo entrou na casa e efetuou disparos de arma de fogo contra a vítima

    Por Plox

    05/05/2021 18h26 - Atualizado há 5 meses

    Nessa terça-feira (4), um homem de 33 anos foi morto a tiros por um indivíduo que se passou por um prestador de serviço, no local conhecido como Comunidade do Rio Verde, em Matias Cardoso, no Norte de Minas Gerais.

    De acordo com informações da Polícia Militar, a esposa do homem relatou que o indivíduo chegou na residência deles e que, se apresentou com um homem que trabalhava como prestador de serviço do ramo de forro de PVC.

    Conforme relatado pela esposa aos policiais, o homem relatou que não iria comprar o serviço, porém, o indivíduo pediu para ver a obra e teve a entrada franqueada. Ao entrar, o indivíduo sacou uma arma e efetuou disparos contra o homem, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

    Foto: divulgação/PM

     

    De acordo com a PM, após o crime o indivíduo fugiu. A perícia foi acionada, compareceu ao local e, após os trabalhos de praxe, o corpo foi removido e encaminhado ao Instituto Médico Legal.

    Ainda segundo a PM, em diligências na comunidade, pessoas relataram aos policiais que o indivíduo estava, desde a última segunda-feira (3), pedindo informações sobre a vítima na comunidade.

    A Polícia Militar segue com as diligências para encontrar o suspeito, que fugiu do local em uma motocicleta, por uma estrada que dá acesso a outras cidades de Minas Gerais e da Bahia. Ainda não se sabe qual a motivação do crime.
     

    PC encontra armas e grande quantidade de drogas em Caratinga

    Nessa terça-feira (4), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu em flagrante quatro indivíduos, suspeitos de tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo, em Caratinga, no Leste de Minas Gerais.

    Segundo informações da Polícia Civil, durante cumprimento de mandado de busca e apreensão na residência de um dos investigados, os policiais encontraram drogas, veículos e R$ 20 mil em dinheiro.

    Foto: divulgação/ PCMG

     

    De acordo com os policiais, após obter informações de que o suspeito teria recebido duas bolsas contendo maconha, ecstasy e duas armas de fogo, policiais civis compareceram ao local. O proprietário da residência soltou dois cachorros da raça pit bull e um dos investigados chegou a fugir para a cozinha, se escondendo no segundo andar da casa, onde havia droga armazenada.

    Conforme relatado, os policiais entraram no local e, no interior da residência, encontraram na bancada da cozinha, uma faca e uma balança de precisão. Ainda, no primeiro andar, foram localizados pedaços de maconha, dois comprimidos de ecstasy, um revólver calibre .38, uma pistola calibre .380 e a quantia de R$ 20 mil em dinheiro.

    Já no segundo andar do imóvel, foram arrecadados um fardo fechado e um saco com 57 barras de maconha. Durante as buscas, também foram apreendidos telefones celulares e outros equipamentos eletrônicos, bem como três motocicletas e uma caminhonete.

    Durante diligências, os militares prenderam quatro indivíduos. Diante dos fatos, os suspeitos foram presos, os materiais apreendidos e encaminhados à Delegacia de Polícia Civil.

     

     

     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]