Ipatinga

polícia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Babá é espancada após ser suspeita de agredir criança de 10 meses em Minas

    Ela foi internada em estado grave e ainda não foi possível a polícia ouvir sua versão dos fatos

    Por Plox

    05/05/2022 22h24 - Atualizado há 3 meses

    Uma babá foi espancada por populares e internada em estado grave após suspeitarem que ela agrediu uma criança de 10 meses. O fato foi registrado nesta quinta-feira (5), no bairro Jardim das Alterosas, em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

    De acordo com as informações, a criança dormiu na casa da babá e no dia seguinte, ao chegar em casa, a mãe da criança percebeu que ela tinha várias marcas de mordidas no corpo e perguntou a mulher. Ela, um pouco nervosa com os questionamentos, disse ter sido o namorado.

    Após ser apontado como o autor das mordidas, ele negou as agressões e fugiu do local. Diante da situação, a mulher permaneceu no endereço, mas começou a ser agredida por um grupo de pessoas. Com a situação, a polícia foi acionada e compareceu à residência.

    Ao chegar, os policiais se depararam com a babá caída na rua e ensanguentada com vários ferimentos pelo corpo. Como o estado da vítima era bem complicado, ela foi conduzida ao Pronto-Socorro João 23, em Belo Horizonte. 

    A criança, por sua vez, foi encaminhada ao Hospital São Judas Tadeu. No local, ela passou por atendimentos e exames médicos, no qual, confirmaram as agressões, mas afirmou não ter tido nenhuma violência sexual contra a bebê.

    Como a babá foi encaminhada em estado grave ao hospital, ela não conseguiu prestar esclarecimentos sobre o acontecido. A Polícia civil esclareceu que "em razão das lesões, a babá foi encaminhada para atendimento médico, o que impossibilitou o seu depoimento".

    Ainda conforme as informações, nenhum dos envolvidos nas agressões foi encontrado. “A Autoridade Policial expediu requisição de exame de corpo delito para a criança ser submetida aos exames cabíveis. Até o momento, os agressores não foram identificados e localizados e a investigação prosseguirá a cargo da delegacia de área, em Ribeirão das Neves, visando a completa elucidação do caso".


     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2022[email protected]