Ipatinga

atitude

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Gari paga boleto após encontrá-lo em lixão junto de dinheiro em Minas Gerais

    A mulher que havia jogado o dinheiro fora, sem querer, o convidou para tomar um café em forma de agradecimento

    Por Plox

    05/11/2021 18h08 - Atualizado há 25 dias

    Márcio Henrique Lopes, de 39 anos, gari na cidade de Papagaios, na região Central de Minas Gerais, encontrou no lixão do município um boleto junto de R$ 440,00. Ele foi à loteria e pagou a conta referente a prestação de um carro. A mulher que havia jogado o dinheiro fora, sem querer, o convidou para tomar um café em forma de agradecimento.

    O homem que trabalha há 12 anos como gari saiu para trabalhar na última quarta-feira (3), e quando estava fazendo sua rota, passando pela zona rural da cidade, uma moradora disse-lhe “que não tinha certeza, mas achava que tinha jogado no lixo o dinheiro e o boleto para pagar a prestação de um carro”.

    Aos chegar no aterro da cidade, Márcio revirou vários sacos de lixo para encontrar o dinheiro e contou que precisou tomar cuidado por conta de objetos cortantes que poderiam estar descartado de forma incorreta.

    Após um tempo procurando, ele encontrou o boleto junto com o valor para pagá-lo. “O dinheiro estava contadinho, eram R$ 440”, disse.

    Foto: Reprodução Redes Sociais

     

    O gari foi até à loteria no Centro do município e efetuou o pagamento do boleto. Ele disse que agora só falta levar o recibo para a mulher. “A nora dela entrou em contato comigo pelo Facebook, e eu avisei que tinha pagado. Ela ficou muito feliz e pediu pra avisar que a sogra dela me convidou para tomar um café lá”, contou.

    “É uma alegria muito grande, um legado que vou deixar para o meu filho de 11 anos. Muitas pessoas chegaram até mim e me agradeceram”, disse o homem.

    Atleticano, o gari disse que sonha em conhecer a Cidade do Galo. Ele contou que desde a infância acompanha todos os jogos do time do coração e foi somente uma vez assistir um jogo do Galo. A gente que mora no interior é muito humilde. É difícil sobrar um dinheiro para poder acompanhar mais de perto”, revelou.
     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]