Sargento da PM em estado grave após ser baleado por foragido em Belo Horizonte

Ataque ocorreu durante perseguição; um dos suspeitos estava em saída temporária do sistema prisional

Por Plox

06/01/2024 18h27 - Atualizado há 6 meses

Na noite de ontem sexta-feira, 5 de janeiro, um sargento da Polícia Militar de 29 anos foi gravemente ferido ao ser baleado na cabeça por um homem de 25 anos, durante uma perseguição no bairro Novo Aarão Reis, na região Norte de Belo Horizonte. O militar, que comemoraria uma década na corporação no dia seguinte, encontra-se internado em estado grave no Hospital João XXIII.

 

Foto: REPRODUÇÃO/REDES SOCIAIS

Histórico do Suspeito O suspeito, identificado como custodiado do Presídio Antônio Dutra Ladeira em Ribeirão das Neves, estava em saída temporária, concedida pela Justiça, segundo a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp). Com um histórico de condenações por crimes como roubo e corrupção de menores, o homem havia sido preso em julho de 2023 após furtar um carro.

Detalhes da Ocorrência As guarnições do 13º Batalhão da PM perseguiam dois suspeitos na Avenida Risoleta Neves quando o incidente ocorreu. Após colidirem contra um poste, os suspeitos fugiram a pé, sendo um deles capturado e baleado pelo sargento. Câmeras de segurança registraram o momento em que o policial foi surpreendido e atingido pelo atirador.

Solidariedade e Apoio O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, expressou solidariedade ao sargento Dias, destacando o empenho da equipe médica do Hospital João XXIII em sua recuperação. "Minha solidariedade ao Sargento Dias da @pmmg190 que foi atingido gravemente por tiros durante perseguição a criminosos na noite dessa sexta, dia 5, em BH. A equipe médica do Hospital João XXIII está empenhada na recuperação deste herói. O criminoso foi capturado", declarou Zema.

Situação Atual Atualmente, o sargento permanece hospitalizado com uma bala alojada na cabeça. As circunstâncias que motivaram a perseguição ainda não foram esclarecidas. O segundo suspeito envolvido também foi detido, e ambos enfrentam acusações relacionadas ao incidente.

Destaques