Proposta de Bolsonaro que elimina multa por falta de cadeirinha não deve ser aprovada

06/06/2019 16:54

Dentre elas, uma alteração eliminaria a multa para o motorista que transportar crianças sem a cadeirinha

Publicidade

O presidente Jair Bolsonaro levou à Câmara dos Deputados, nesta terça (4), o projeto que altera algumas regras da lei de trânsito no país.

Dentre elas, uma alteração eliminaria a multa para o motorista que transportar crianças sem a cadeirinha. 

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), fazer uso deste ítem veículos pode reduzir em até 60% a possibilidade das crianças morrerem em acidentes de trânsito. Um levantamento do Ministério da Saúde comprovou essa eficácia. O número de acidentes que levaram as crianças à mortes, usando a cadeirinha, caiu 12,5% desde 2008, quando se tornou obrigatória.

Foto: Arquivo Agência Brasilcadeirinhas

Segundo declarações do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), nesta quinta-feira (6), esses dados estatísticos farão com que a modificação na lei não seja aprovada na Casa Legislativa. "Não prevalece, tudo que tratar de segurança, que impactar nisso, não tem chance de prosperar", afirmou.

Segundo a proposta do presidente Bolsonaro, a falta da cadeirinha seria punida apenas com advertência por escrito.



Publicidade