Mulher morre eletrocutada após rompimento de fio energizado

06/11/2019 08:31

Publicidade

No início da noite desta terça-feira (05), Maria Aparecida Cardoso, de 40 anos, morreu eletrocutada após ser atingida por um fio energizado que se rompeu. O acidente aconteceu na Zona Sul de São Paulo, em Capão Redondo.

Copeira, Maria voltava do trabalho e já estava perto do portão de sua casa. Segundo informações da Polícia Militar de São Paulo, a mulher andava na calçada da rua Luís de Oliveira quando encostou em um fio que se soltou de um poste e não resistiu à descarga elétrica. O acidente aconteceu por volta das 18h30.

Testemunhas disseram que chovia e ventava muito na hora do ocorrido. Segundo a PM, a mulher estava usando um calçado aberto.

Maria deixa o marido e duas filhas adolescentes, uma de 12 e outra de 15 anos.

morte-eletrocutada-06112019080211388 Foto: Reprodução/TV

A concessionária responsável pelo distribuição de energia em São Paulo, a Enel, lamentou por meio de nota o acidente e afirmou que vai contribuir com as autoridades na apuração das causas do acidente. A empresa também afirmou que oferecerá assistência aos familiares da vítima.



Publicidade