Mais Médicos reforça presença em Minas Gerais com 720 novos integrantes

Programa federal espera alcançar 2 mil médicos atuando no estado até dezembro deste ano

Por Plox

06/11/2023 14h09 - Atualizado há 8 meses

Minas Gerais está prestes a aumentar significativamente o número de profissionais de saúde do programa Mais Médicos, uma iniciativa do Governo Federal. Com a adição de 720 novos médicos até o final de 2023, o estado prevê totalizar 2 mil médicos cadastrados, intensificando o atendimento em várias cidades, incluindo a capital, Belo Horizonte.

Renovação e Ampliação do Programa Felipe Proenço, diretor da atenção primária à saúde do Ministério da Saúde, explicou que o Mais Médicos passou por um período de reestruturação este ano após descontinuidades anteriores. "O programa foi retomado neste ano... e, no primeiro semestre, o foco foi retomar essas equipes e agora, neste segundo semestre, ampliar a quantidade de profissionais", relatou Proenço.

Foto: SES/Divulgação

Curso de Formação e Acolhimento Os médicos recém-integrados ao programa participam de um curso introdutório que tem como objetivos avaliar competências e sincronizar práticas com as diretrizes nacionais de saúde. A formação, que começou nesta segunda-feira, durará três semanas.

Perfil dos Novos Médicos Neste semestre, o programa está acolhendo muitos médicos formados no exterior, incluindo brasileiros graduados na América do Sul e na Rússia. Esta etapa vem após uma fase inicial que priorizou médicos formados nacionalmente.

Retrospectiva do Mais Médicos Criado em 2013 sob a administração de Dilma Rousseff, o Mais Médicos visava suprir deficiências no atendimento de saúde, especialmente em áreas remotas do país. No entanto, mudanças ocorreram em 2019 com a introdução do programa Médicos pelo Brasil e o fim da participação de médicos cubanos sem a revalidação de diplomas, o que levou ao término da parceria com o governo de Cuba.

Previsão e Expectativas A iniciativa continua a receber editais periódicos para incrementar o número de médicos disponíveis e tem registrado recordes de inscrições. A expectativa é de que o Mais Médicos conte com 28 mil profissionais atuando em todo o Brasil até o fim de 2023, conforme apontado pelo diretor Proenço.

Desafios e Adaptações A evolução do programa Mais Médicos reflete um contínuo esforço do governo para aprimorar o acesso e a qualidade da saúde pública brasileira, adaptando-se às dinâmicas sociais e políticas que moldam o contexto sanitário do país.

Destaques