Avião da Alaska Airlines realiza pouso de emergência após porta se abrir em voo

Incidente com Boeing 737-900 MAX causa despressurização da cabine, mas não deixa feridos

Por Plox

07/01/2024 11h10 - Atualizado há 5 meses

Um Boeing 737-900 MAX da companhia aérea americana Alaska Airlines foi forçado a fazer um pouso de emergência devido à abertura inesperada de uma porta durante o voo. O incidente ocorreu na tarde de sexta-feira (5/1), pouco tempo após a aeronave decolar do aeroporto de Portland, nos Estados Unidos. Felizmente, não houve feridos no incidente.

(crédito: Reprodução/ X)

Detalhes do Voo O voo, com destino à cidade de Ontário, na Califórnia, transportava 171 passageiros. A porta que se abriu estava na parte traseira da aeronave e não estava sendo utilizada no momento. Curiosamente, o assento ao lado da porta aberta estava desocupado. O incidente resultou em uma rápida despressurização da cabine, levando os passageiros a usar máscaras de oxigênio fornecidas pela aeronave.

Resposta Rápida da Tripulação A tripulação respondeu prontamente ao incidente, realizando uma descida de emergência e retornando em segurança ao aeroporto de partida em Portland. A aeronave decolou às 17h06, horário local, e aterrissou em emergência às 17h26. Vídeos do incidente circularam nas redes sociais, incluindo um publicado no TikTok por Vi Nguyen, que descreveu o choque ao acordar de um cochilo e encontrar parte da parede do avião aberta.

Destaques