Carteira de Identidade Nacional começa a ser emitida em todo o Brasil

Novo documento unifica registro utilizando o CPF e será disponibilizado em formato físico e digital

Por Plox

07/01/2024 10h36 - Atualizado há 5 meses

A partir do próximo dia 11, todos os estados brasileiros iniciarão a emissão da nova Carteira de Identidade Nacional (CIN). Este documento inovador substitui o tradicional número de RG (Registro Geral) pelo CPF (Cadastro de Pessoas Físicas) como o identificador principal. Este movimento é parte de uma estratégia de modernização e unificação dos registros civis em todo o país.

ANDRE BORGES/AGÊNCIA BRASÍLIA

Adoção nos Estados Até o momento, 18 estados já começaram a emitir a CIN, entre eles: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Piauí, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Alagoas, Goiás, Amazonas, Acre, Minas Gerais, Paraná, Distrito Federal, Pernambuco, Rondônia, Paraíba, Maranhão, Sergipe e São Paulo. Segundo informações do Ministério da Gestão e da Inovação, mais de 2,8 milhões de novas Carteiras de Identidade Nacional já foram emitidas.

Características do Novo Documento A nova Carteira de Identidade Nacional tem a particularidade de estar disponível tanto em formato físico quanto digital. Um dos recursos de segurança mais notáveis é a inclusão de um QR Code, que permite verificar a autenticidade do documento e se ele foi furtado ou extraviado. Além disso, a versão atual da CIN serve como documento de viagem para os países do Mercosul.

Facilidades e Gratuidade A primeira via do novo documento é gratuita, facilitando o acesso para os cidadãos. 

Destaques