Coronavírus levou 300 milhões de estudantes a deixarem de ir à escola, diz Unesco

07/03/2020 07:42

Países cancelaram aulas para evitar a proliferação do vírus. O número de infectados no mundo já beira os 100 mil

Pelo menos 300 milhões de estudantes estão sem aulas em todo o mundo por conta do surto do novo coronavírus, de acordo com estimativa da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO). De acordo com o órgão, 13 países já decretaram o fechamento total de escolas. Outras nove nações cancelaram as aulas nas regiões mais atingidas pela doença.

Na Itália, por exemplo, o governo decidiu manter fechadas todas as escolas e universidades até o dia 15 de março. 148 pessoas já morreram no país, que tem o maior número de mortos por coronavírus fora da China. Por lá foram registradas 41 novas mortes em um único dia. 

390daa6583bae07f008a3995decd28fae3c75fa7fef73e826dd969ce271e3cbdFoto: ONU
 

Na Coreia do Sul, as férias de inverno foram prolongadas por mais três semanas em escolas e creches. No Irã, as escolas vão ficar fechadas por um mês e eventos culturais e esportivos foram suspensos. 

Nos Estados Unidos o governo da Califórnia declarou estado de emergência depois que a primeira do estado foi registrada. Em Nova York, em um dia, o número de casos do novo coronavírus dobrou - passou de 11 para 22. No mundo todo, o número de infectados já beira os 100 mil e os mortos chegam a 3.400 - a maior parte na China.



Publicidade