Lula recebe apoio de políticos do PSD

Em encontro em São Paulo, ex-presidente disse que o país voltará a ser feliz

Por Plox

07/10/2022 10h02 - Atualizado há mais de 1 ano

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) recebeu, nesta quinta-feira (6), em São Paulo (SP), o apoio de políticos do PSD para o segundo turno das eleições. Em encontro num hotel, o ex-presidente destacou a importância de sua candidatura unir pessoas que podem pensar ideologicamente diferente, mas que estão unidas em defesa da democracia. 

Ao lado de nomes importantes da sigla, como o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, e os senadores Otto Alencar (BA), Alexandre Silveira (MG) e Carlos Fávaro (MT), Lula afirmou que a democracia é o regime mais difícil de ser exercido por exigir convivência com a contradição.

Foto: Ricardo Stuckert


“Estamos juntando pessoas que podem pensar ideologicamente diferente, que podem sonhar com a fotografia do mundo diferente, mas nesse instante tem uma coisa sagrada que nós precisamos recuperar, que é uma palavra mágica chamada democracia. É o regime mais difícil de ser exercido. É o regime mais difícil de ser exercido porque ele exige a convivência com a contradição. A gente não quer um mundo de iguais, a gente quer um mundo de diferentes que saibam conviver democraticamente, respeitando o direito dos outros”, declarou Lula.

O petista disse que está se candidatando para “fazer mais”. Segundo Lula, “o governo de Jair Bolsonaro não faz nada, os debates de segundo turno serão boa oportunidade para confrontar os feitos por ele e pelo adversário”.


 

Destaques