Donos de apartamento que menina caiu em BH são indiciados 

07/11/2019 19:25

A menina ficou 18 dias internada, e passou por diversas cirurgias, no braço, perna e rosto

Publicidade

Nesta quinta-feira (7), a Polícia Civil indiciou o casal que é dono do apartamento, onde a menina Clara Pereira, de 10 anos, caiu, no dia 13 de outubro, no bairro Heliópolis em Belo Horizonte. 

De acordo com a Polícia, eles foram indiciados por lesão corporal grave culposa, ou seja, sem que tenha havido a intenção de provocar a queda.

A garota passava o feriado na casa dos primos e foi encontrada caída dentro da área privativa do 1º andar do edifício, após bater em telhas.

predio-bhFoto: reprodução/Google Street View

Um laudo pericial da polícia descartou a possibilidade de que ela tenha sido arremessada.

De acordo com a família, a suspeita principal é de sonambulismo.

A menina ficou 18 dias internada, e passou por diversas cirurgias, no braço, perna e rosto.
 



Publicidade