Avião Boeing 737 cai e mata 176 pessoas em Teerã

08/01/2020 08:33

Não há ainda nenhuma informação se existe correlação entre a queda do avião e os conflitos que estão ocorrendo na região

Autoridades confirmam que não há nenhum sobrevivente na queda do avião Boeing 737, nas proximidades do aeroporto de Teerã, capital do Irã, nessa terça-feira (horário de Brasília).

O avião caiu poucas horas após um ataque de mísseis, feito pelo Irã, contra bases militares no país vizinho, o Iraque.
 
A aeronave que fazia o voo 752 da Ukraine International Airlines partiu com quase uma hora de atraso, às 6h12 (horário de Teerã), e havia acabado de decolar.

WhatsApp Image 2020-01-08 at 08.48.58Foto: Reprodução TV


 
Vadym Prystaiko, ministro ucraniano de Relações Exteriores, declarou que o avião que caiu levava pessoas de 7 nacionalidades: 82 do Irã, 63 do Canadá, 11 da Ucrânia (sendo que 9 eram tripulantes), 10 da Suécia, 4 do Afeganistão, 3 do Reino Unido, e 3 da Alemanha.

Não há ainda nenhuma informação se existe correlação entre a queda do avião e os conflitos que estão ocorrendo na região apoia a morte do líder militar iraniano, a mando do presidente americano Donald Trump.

A rede de televisão CNN afirmou que a emissora estatal do Irã, Irib, teria divulgado a informação de que duas caixas-pretas do avião foram encontradas.