Ipatinga

polícia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Homem suspeito de ser membro da PCC é morto com 27 tiros em BH

    Segundo informações, ele era investigado pela Polícia Civil

    Por Plox

    08/01/2022 14h00 - Atualizado há 4 meses

    Na noite dessa sexta-feira (7), um homem, de 36 anos, foi morto com 27 tiros, na região do Barreiro, em Belo Horizonte. Ele era investigado pela Polícia Civil por ligação com a facção criminosa de São Paulo,  Primeiro Comando da Capital (PCC). Segundo testemunhas, ele era olheiro do tráfico de drogas. 

    Moradores encontraram o corpo de Joabe Gileade Gonçalves caído no chão e chamaram a polícia. Quando chegaram ao local, a vítima já estava sem vida. Ainda de acordo com testemunhas, suspeitos que estavam em um veículo Fiat Uno Way, efetuaram disparos contra a vítima e fugiram do local. 

    Procurado pelos militares, familiares da vítima relataram que ele não estava trabalhando, mas que era usuário de drogas e tinha envolvimento com o tráfico. Afirmaram ainda terem pago duas dívidas de Joabe, no valor de R$ 2 mil cada, para traficantes. Na casa da vítima foram encontradas porções de crack e pinos vazios, utilizados para armazenar cocaína.

    Joabe possuía uma ficha criminal com alguns boletins de ocorrência por envolvimento com o tráfico de drogas. Em um dos registros de 2010, ele foi preso no mesmo local que morreu. Ainda chegou a ser preso por porte ilegal de arma de fogo em Uberlândia, no Triângulo Mineiro.

    Após rastreio da PM na região, nenhum suspeito de participação no crime foi identificado. A perícia esteve no local e o corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Belo Horizonte.

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2022[email protected]