Brasil

saúde

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Reitora da UFMG anuncia produção de vacina contra Covid-19,100% brasileira

    A produção iniciou-se no ano passado e já passou pelas fases 1 e 2 que consistem em imunogenicidade e testes em animais

    Por Plox

    08/02/2021 22h36 - Atualizado há 6 meses

    O presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, desembargador Gilson Soares Lemes, recebeu nesta segunda-feira (8/2), visita de cortesia da reitora da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), professora Sandra Regina Goulart Almeida.
    Durante o encontro, a professora anunciou que o Centro de Tecnologia em Vacinas (CT-Vacinas) da UFMG desenvolve uma vacina 100% brasileira contra a Covid-19. "Muito boa esta notícia trazida pela reitora, pois a expectativa de toda população por mais vacinas é muito grande", afirmou o presidente Gilson Lemes.

    FOTO: Cecília Pederzoli/ TJMG

     

    A reitora Sandra Regina explicou que o desenvolvimento da vacina da UFMG iniciou-se no ano passado e já passou pelas fases 1 e 2 que consistem em imunogenicidade e testes em animais. Em breve, entra na fase 3, considerada a mais onerosa, pois envolve exaustivos testes em seres humanos.
    A vacina da UFMG é similar à vacina da Universidade de Oxford, que trabalha com vetores virais capazes de codificar proteínas do coronavírus sem causar a doença, mas estimulando a produção de anticorpos e células de defesa.
    "O Centro de Tecnologias em Vacinas da UFMG é uma referência nacional, sendo o único no país a desenvolver a Leish-Tec, vacina para prevenção da leishmaniose, com 96% de eficácia em cães. Em breve teremos a nossa própria vacina contra a Covid-19", garante a reitora, que também anunciou parceria da UFMG com o Governo do Estado e com o Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovações para o desenvolvimento da vacina contra o novo coronavírus em Minas Gerais.

    Além da vacina, o presidente do Judiciário mineiro, Gilson Soares, afirmou a importância da parceria entre o Tribunal de Justiça de Minas Gerais e a UFMG principalmente na tragédia de Brumadinho.
    "A Universidade participou e participa efetivamente das perícias que estão sendo realizadas em face da tragédia de Brumadinho. E outras perícias ainda serão realizadas. Assim, é de fundamental importância a parceria entre estas duas entidades públicas", destacou o presidente.

    FOTO: Cecília Pederzoli/ TJMG


    "Somos uma instituição pública federal, mas estamos dentro de Minas Gerais, e uma parceria cada vez maior com o TJMG é muito importante para a sociedade. Estamos à disposição do presidente Gilson Lemes no que for preciso, principalmente em um momento tão delicado que atravessamos por causa da pandemia",

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]