Quinze vereadores de Ipatinga trocam de partido para eleições municipais em outubro

Dos atuais 19 eleitos, apenas 4 permanecem nos mesmos partidos

Por Plox

08/04/2024 13h58 - Atualizado há cerca de 2 meses

 

Quinze vereadores de Ipatinga mudaram de partido com o fechamento da janela partidária na última sexta-feira (5/4). Com isso, caso se candidatem nas eleições municipais de outubro, os parlamentares vão concorrer à reeleição já pelo novo partido ao qual foi filiado. Veja na Live como foi a mudança e quais vereadores continuaram no mesmo partido.

 

Dos 19 vereadores, apenas 4 permaneceram no mesmo partido. As vereadoras Cida Lima e Cecília Ferramenta, ambas petistas, e o vereador Vianei que permaneceu no AVANTE, assim como o vereador Avelino Cruz que permaneceu no PP.

 

O AVANTE passou a contar com mais uma cadeira na Câmara de Ipatinga, já que Zé Terez saiu do PSL e filiou-se ao partido.

Mudaram de partido os vereadores Ademir Claúdio, do MDB para o Cidadania e Adiel Oliveira do PMN para o PMB. Quem também passa a fazer parte da nova bancada no Partido da Mulher Brasileira é Welington da Floricultura, que deixou o PSC.

Toninho Felipe sai do Cidadania e filiou-se no AGIR. Os vereadores Tunico e Nivaldo Antônio saem respectivamente do Podemos e do PTC e passam a fazer parte do PP e do PMN.

Foto: Divulgação CMI

Hermínio Bernardo saiu do PSDB e filiou-se ao NOVO.

O partido União Brasil contará com duas cadeiras na Casa, as dos vereadores Coronel Silvane e Professor Ney, que saíram do PSC e PTC. O presidente da Casa, Ley do Trânsito saiu do PSD e filiou-se ao PL.

A vereadora Mariene Patrícia saiu do Patriotas e foi para o Republicanos.

O Chiquinho sai do PP e migra para o Cidadania e o vereador Daniel do Bem sai do PSD e passa a fazer parte do PV. Outro que também migrou de partido foi Fernando Ratzke, que saiu do Cidadania e filiou-se ao Rede Sustentabilidade.

Com as trocas, as bancadas do PT, PP, CIDADANIA e União Brasil passam a ter duas cadeiras cada uma na Câmara de Ipatinga. 

Destaques