Ipatinga

saúde

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Santana do Paraíso alerta para aumento dos casos de covid-19

    Foi realizado um levantamento das últimas semanas e a cidade continua sendo monitorada

    Por Plox

    08/06/2022 11h36 - Atualizado há 18 dias

    A Secretaria Municipal de Saúde de Santana do Paraíso, por meio da Vigilância Epidemiológica, divulgou nessa terça-feira (7) um alerta sobre o aumento de casos de covid-19 no município. A equipe realizou um levantamento sobre o índice de contaminação do novo coronavírus nas últimas oito semanas. Entre os dias 29/5 e 4/6 foram registrados 59 casos suspeitos e 8 confirmados, sendo que na semana anterior (22 a 28 de maio) havia apenas 4 casos suspeitos e nenhum confirmado. Os resultados positivos foram obtidos por meio do teste rápido de Antígeno; nenhum dos pacientes precisou ser internado. (Veja o gráfico abaixo)


    A enfermeira referência técnica em Vigilância Epidemiológica, Juscelle Ribeiro, explica que o aumento pode estar associado a diversos fatores, entre eles: a aproximação do inverno com a queda nas temperaturas e o esquema vacinal incompleto. “Não podemos falar que está tendo um pico elevado e nem uma elevação grande dos números. Nós vamos ter que monitorar as próximas semanas para confirmar como que ficará a situação do município”, afirma.

    A pasta orienta que todas as pessoas que apresentarem sintomas respiratórios, mesmo que leves, procurem atendimento médico para avaliação e conduta adequada. As unidades de saúde estão orientadas quanto ao manejo de casos suspeitos de covid-19, bem com a realização do teste rápido de Antígeno em tempo oportuno. Os casos graves, com sintomas de dor torácica, falta de ar e esforço respiratório, devem procurar a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Ipatinga ou a UBS de Plantão, no centro de Santana do Paraíso.  

    VACINAÇÃO

    Várias medidas foram adotadas pela Secretaria de Saúde para combater à covid-19 por meio da vacinação, de acordo com as normas técnicas do Ministério da Saúde. Além da ampliação do atendimento nas salas de vacinas de todas as unidades de saúde, de 7h30 às 15h30, a prefeitura realiza visita domiciliar com imunização e implantou o Vacimóvel em locais específicos e com horário diferenciado, entre 16h e 22h. 

    Foto: Divulgação PMSP

     

    “Tudo isso para potencializar nossa vacinação, aumentar o número de pessoas protegidas, porque o cidadão só pode se considerar imunizado se tiver com todas as doses de vacina, ou seja, o esquema completo de vacinação”, afirmou a enfermeira referência técnica em imunização, Silvania Ferreira Barbosa. 

    Atualmente, no total, 27.690 pessoas receberam a primeira dose, o que representa 82,79% do público-alvo. Foram aplicadas 23.706 vacinas de segunda dose (71,82%) e apenas 10.417 de terceira dose ou dose reforço (38,25%). O município iniciou nessa terça (6) a aplicação da 4° dose (2° reforço) para todas as pessoas acima de 50 anos e profissionais de saúde. 

    Já em relação às vacinas pediátricas, foram vacinadas 65% das crianças com a primeira dose e 32% com a segunda dose. “Continuamos fazendo apelo aos pais ou responsáveis que procurem a unidade de saúde e autorizem a vacinação das crianças”, completou. Para se vacinar, basta levar cartão de vacinas e cartão do SUS.


     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2022[email protected]