Roer as unhas e esmaltá-las com frequência causa câncer?

08/07/2019 08:17

O uso contínuo de unhas postiças pode mascarar o surgimento de infecções

Publicidade

O costume de roer unhas e colocar unhas postiças podem causar problemas debaixo das unhas, alergias e no pior dos casos, câncer. Há relatos problemas muito sérios, como a da miss Illinois, Karolina Jasko, que teve melanoma por conta do excesso de luz UVA nas unhas postiças, além de amputação de dedos em situações raras de câncer melanoma acrolentiginoso subungueal, como aconteceu com Courtney Whithorn, de 20 anos, na Austrália. 
A dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), Tatiana Gabbi, lembra que apesar de não ser possível afirmar, que roer unhas tenha relação direta com o melanoma ungueal, a prática não pode ser considerada saudável. (foto: Reprodução/Internet)
Unhas podem ser problemáticas se você não cuidar- Foto: Reprodução/Internet

Segundo um estudo da dermatologista com 21 casos de melanoma ungueal de seus pacientes por 10 anos, em nenhum deles foi possível ligar a doença com o costume de roer as unhas. Conforme explicou, apesar de raro, as causas poderão ser esclarecidas futuramente. “Por enquanto, o que se sabe é que provocar traumas na região não é indicado. E isso inclui tanto o hábito de roer quanto os relacionados à vaidade, como tirar as cutículas, lixar, aplicar unhas postiças”. 

O uso de esmaltes em excesso, unhas postiças e cutículas retiradas podem “mascarar o surgimento de infecções, bactérias, fungos ou outras lesões. Quanto às cutículas, indico apenas a hidratação local".

Aos pacientes, a médica não indica o uso prolongado de esmaltes, de unhas postiças e nem a retirada da cutícula, pois “o uso contínuo de unhas postiças pode mascarar o surgimento de infecções, bactérias, fungos ou outras lesões. Quanto às cutículas, indico apenas a hidratação local”. Ainda de acordo com Tatiana, quem tem quebras frequentes, percebe mudanças na textura da unha e manchas escuras no sentido vertical, deve procurar um especialista.

Atualizada às 15h56



Publicidade