Arte em 3D: Monet se torna acessível para estudantes de Minas

Obras de Monet ganham vida em escolas públicas de Minas Gerais

Por Plox

09/04/2024 10h09 - Atualizado há 2 meses

Um projeto educativo denominado "Educativo Itinerante Monet" está revolucionando o acesso à arte em Minas Gerais, levando reproduções em 3D das obras de Claude Monet, renomado pintor impressionista, a milhares de estudantes da rede pública. Iniciando sua jornada pela Grande BH, o programa visa atingir aproximadamente 6 mil alunos em 30 escolas situadas nos municípios de Contagem, Brumadinho e Betim, prometendo uma experiência única de imersão no universo artístico de Monet.

Foto: Divulgação

Uma jornada artística pelo impressionismo

O circuito começou em Contagem, na primeira semana de abril, com previsão de passar por Brumadinho entre os dias 15 e 19 e finalizar em Betim de 22 a 26 do mesmo mês. Este tour por Minas Gerais é apenas a mais recente etapa de um projeto que já beneficiou mais de 62 mil pessoas em oito estados diferentes, provando seu alcance e impacto significativos.

Inovação e educação: a arte de Monet em nova dimensão

O projeto não só proporciona uma experiência visual única por meio de animações digitais em 2D e 3D, como também oferece aos estudantes a oportunidade de explorar as obras de Monet de maneira totalmente inovadora, incluindo conteúdos adaptados à realidade brasileira. Lyllian Bragança, coordenadora de campo do projeto, revela que a iniciativa surgiu do desejo de expandir o acesso à arte, criando oficinas educativas que entrelaçam a vida e a obra de Monet com aspectos culturais do Brasil.

Impacto e transformação no ambiente escolar

A escolha de Monet para o projeto se alinha com objetivos educacionais amplos, abarcando temas como água, terra, luz e território, e segue as diretrizes da Base Nacional Comum Curricular e do Estatuto da Criança e do Adolescente. A seleção das cidades e escolas participantes é influenciada pela presença de patrocinadores locais, neste caso, a Tsea Energia e a Fundação Tsea.

O feedback dos alunos e professores é extremamente positivo. Ana Cristina Guimarães, professora de arte em Contagem, relata a empolgação dos estudantes com as atividades propostas, destacando a apreciação das obras de Monet através de óculos 3D como um dos momentos mais marcantes. Lyllian Bragança enfatiza a importância da experiência completa, desde o acolhimento até a expressão artística dos alunos, indicando o sucesso do programa em trazer a arte para mais próximo da realidade escolar e despertar o interesse dos jovens pela cultura e pela expressão criativa.

Destaques